SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.36 número6Zygotes and two cells mouse embryos in co-culture of mouse and bovine epithelial cells in CZB glucose free, TCM199 and Ménézo B2 mediunsStudy of occurrence of salmonelas in feedstuffs, feeds and dust swabs in feed mill índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


Brazilian Journal of Veterinary Research and Animal Science

versión impresa ISSN 1413-9596versión On-line ISSN 1678-4456

Resumen

RODRIGUES, Berenice de Ávila; DONA, Ana Valéria  y  RODRIGUES, José Luiz. Influência da secreção prostática autóloga sobre a viabilidade de espermatozóides caninos no pós-descongelamento. Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci. [online]. 1999, vol.36, n.6, pp.00-00. ISSN 1413-9596.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-95961999000600007.

Investigou-se o efeito da secreção prostática autóloga na motilidade pós-descongelamento, na integridade de acrossomo e na adesão intercelular de espermatozóides criopreservados em diluidores com TRIS-gema de ovo e com TRIS-BSA. O experimento mostrou que a adição de secreção prostática promoveu um efeito benéfico sobre a manutenção da integridade dos acrossomos. Não foram observadas alterações com referência à motilidade e à exposição dos espermatozóides frente à secreção prostática, também não levou a uma redução significativa da adesão interespermática. No entanto, após 60 minutos de incubação a 37ºC, a presença da fração prostática parece ter favorecido a dissociação espermática dos ejaculados diluídos com TRIS-BSA 0,25% (60% das amostras). Ao final do período de observação, foram verificadas diferentes percentagens de sobrevivência espermática nas amostras diluídas com TRIS-gema de ovo (40% das amostras), com TRIS-BSA 0,25% (80% das amostras), com TRIS-BSA 0,50% (40% das amostras) e com TRIS-BSA 1,00% (50% das amostras).

Palabras clave : Sêmen; Acrossomo; Cães.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons