SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.37 issue2Parameters to evaluate ovine frozen semen for laparoscopic inseminationNatural Trichostrongyloidea Cram, 1927 infections in deer (Mammalia: Cervidae) from the States of Mato Grosso do Sul and São Paulo author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Brazilian Journal of Veterinary Research and Animal Science

On-line version ISSN 1678-4456

Abstract

MENDES, Luiz Cláudio Nogueira et al. Peritonite experimental em eqüinos. Aspectos hematológicos e bioquímicos. Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci. [online]. 2000, vol.37, n.2, pp. 00-00. ISSN 1678-4456.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-95962000000200011.

Dezesseis eqüinos adultos foram distribuídos aleatoriamente em 4 grupos (GI, GII, GIII e GIV) constituídos por quatro animais, recebendo cada grupo o seguinte inóculo por via intraperitoneal: GI (100 X 107 unidades formadoras de colônia (UFC) de Escherichia coli diluídos em 500 ml de solução salina 0,9% estéril); GII (100 X 107 UFC de Bacteroides fragilis diluídos em 500 ml de solução salina 0,9% estéril); GIII (100 X 107 UFC de Escherichia coli associados a 100 X 107 UFC de Bacteroides fragilis diluídos em 500 ml de solução salina 0,9% estéril); GIV (testemunho - 500 ml de solução salina 0,9% estéril). Leucopenia ocorreu em todos os animais inoculados com bactérias, nas primeiras seis horas após as inoculações. Posteriormente a este período, verificou-se em alguns eqüinos inoculados leucocitose. Os eqüinos inoculados com culturas puras de E. coli ou B. fragilis apresentaram peritonites brandas e autolimitantes, enquanto os inoculados com a associação destas bactérias, apresentaram alterações laboratoriais de maior intensidade e duração.

Keywords : Peritonite; Eqüinos; Escherichia coli; Bacteroides fragilis.

        · abstract in English     · text in English

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License