SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.41 número6Implicações técnicas da vacinação na resposta imune contra o vírus da febre aftosaAvaliação da densidade mineral óssea em potros da raça Puro Sangue Inglês em início de treinamento índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Brazilian Journal of Veterinary Research and Animal Science

versão impressa ISSN 1413-9596

Resumo

MANCINI, Dalva Assunção Portari et al. Anticorpo protetor anti influenza humana detectado em cavalos, como virose zoonótica. Braz. J. Vet. Res. Anim. Sci. [online]. 2004, vol.41, n.6, pp. 379-383. ISSN 1413-9596.  http://dx.doi.org/10.1590/S1413-95962004000600004.

O objetivo deste estudo foi investigar em cavalos, a incidência do vírus influenza e seu ciclo de transmissão interespécies. Portanto, levantamento sorológico foi realizado em soro de cavalos, confrontados com ambas cepas, as específicas (eqüino) e não específicas (humana) deste vírus. Sangrias de cavalos realizadas nos anos de 1999 e de 2000, forneceram soros que, após tratamento com Caolim (20%) e hemácias de galo(50%) para remoção dos anticorpos inespecíficos, foram titulados contra ambas referidas cepas, através do teste de Inibição da Hemaglutinação (recomendado pela OMS). Os resultados, demonstraram que as respostas sorológicas dos cavalos apresentaram reação cruzada entre as cepas específicas e as não específicas. As porcentagens de títulos IH obtidos foram de 62,75% e de 60,65% para as cepas específicas A/Eq1 (H7N7) e A/Eq2 (H3N8), respectivamente. E às cepas não específicas essas porcentagens foram de: 79,05% para A (H1N1), de 94,45% para A (H3N2) e de 77,75% ao tipo B. O mais relevante nestes dados comparativos com vírus influenza, foi a alta porcentagem de resposta protetora à cepa não específica comparada àquela específica, detectada nos soros eqüinos. Considerando o fato de que o tipo B, deste vírus, ser restrito à espécie humana, portanto a resposta de proteção nos cavalos sugere uma direta transmissão interspécies, como em viroses zoonóticas. Os autores relatam pela primeira vez este tipo de evento no Brasil.

Palavras-chave : Influenza eqüina; Influenza humana; Teste da Inibição da Hemaglutinação; Reação Cruzada; Resposta de Proteção.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · pdf em Inglês