SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.16 issue42Limitations of the hegemonic scientific paradigm for dealing with mental distress at primary healthcare unitsHeidegger's phenomenology as a framework for health education studies author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Interface - Comunicação, Saúde, Educação

Print version ISSN 1414-3283

Abstract

MACHADO, Vanessa Cristina  and  SANTOS, Manoel Antônio dos. O apoio familiar na perspectiva do paciente em reinternação psiquiátrica: um estudo qualitativo. Interface (Botucatu) [online]. 2012, vol.16, n.42, pp. 793-806.  Epub Aug 30, 2012. ISSN 1414-3283.  http://dx.doi.org/10.1590/S1414-32832012005000036.

Objetivou-se investigar a percepção do envolvimento familiar nos cuidados ao paciente, no paradigma da reabilitação psicossocial. Utilizou-se abordagem qualitativa por meio de entrevistas semiestruturadas com 22 pacientes com reinternação psiquiátrica. A interpretação dos dados foi fundamentada no paradigma emergente da Atenção Psicossocial. Os entrevistados reconheceram a importância do apoio recebido dos familiares, tanto em termos práticos como afetivos, e admitiram as dificuldades impostas pela convivência com o sofrimento mental. Por outro lado, destacaram limitações nas relações familiares e, por conseguinte, nas possibilidades de cuidado recebido, o que conduz à incompreensão sobre o transtorno mental e à consequente desconfiança, bem como à superproteção que se confunde com privação de liberdade. Ao se considerarem esses aspectos, no contexto da desinstitucionalização, confirma-se a necessidade de a família ser incluída em intervenções de promoção de saúde, como protagonista das estratégias de reabilitação psicossocial.

Keywords : Reinternação psiquiátrica; Apoio familiar; Atenção psicossocial; Reabilitação psicossocial.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese