SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
 número5Environmental sustainability and social contradictionsCaiçaras, caboclos e recursos naturais: regras e padrões de escala índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Ambiente & Sociedade

versão impressa ISSN 1414-753Xversão On-line ISSN 1809-4422

Resumo

FERREIRA, Lúcia da Costa. Conflitos sociais contemporâneos: considerações sobre o ambientalismo brasileiro. Ambient. soc. [online]. 1999, n.5, pp.35-54. ISSN 1414-753X.  http://dx.doi.org/10.1590/S1414-753X1999000200004.

Este ensaio se utiliza do instrumental analítico da teoria da ação sobre movimentos sociais e conflitos sociais contemporâneos, bem como de reflexões sobre ONGs, para esboçar um modelo explicativo que dê conta de aspectos relevantes do ambientalismo contemporâneo. Parte-se da hipótese de que a crise que afeta lideranças e militantes ambientalistas é provocada pela sua dificuldade de, por um lado, constituir-se como um único ator social portador de um projeto cultural de sociedade e, por outro, de desempenhar o duplo papel de ator social e agente político. A partir daí, propõe-se compreender a mudança provocada pela ação das ONGs ambientalistas em sua dimensão cotidiana. As ONGs desempenham papel predominante no profundo processo de aprendizado social que mobiliza categorias muito variadas de sujeitos e, também, no estabelecimento definitivo de um campo especificamente ambiental. Além do debate teórico nacional e internacional sobre o tema, essas considerações também se baseiam em observação direta do cotidiano de ambientalistas desde a CNUMAD-92.

Palavras-chave : conflitos sociais; ambientalismo; organizações não governamentais.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons