SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 issue2Ambiente e saúde: visão de profissionais da saúde da famíliaDegradación ambiental y periferia urbana: un estudio transdiciplinario sobre la contaminación en la región metropolitana de Buenos Aires author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Ambiente & Sociedade

On-line version ISSN 1809-4422

Abstract

JABBOUR, Charbel José Chiapetta; TEIXEIRA, Adriano Alves; JABBOUR, Ana Beatriz Lopes de Sousa  and  FREITAS, Wesley Ricardo de Souza. "Verdes e competitivas?": a influência da gestão ambiental no desempenho operacional de empresas brasileiras. Ambient. soc. [online]. 2012, vol.15, n.2, pp. 151-172. ISSN 1809-4422.  http://dx.doi.org/10.1590/S1414-753X2012000200009.

Argumentos de que a gestão ambiental pode se relacionar positivamente com o desempenho operacional das empresas vêm se propagando pela literatura especializada desde a década de 1990. Esses argumentos ficaram conhecidos como abordagem "verde e competitiva" ou "Hipótese ganha-ganha", de que tanto o Meio Ambiente quanto as empresas se beneficiariam com a adoção de práticas de gestão ambiental. Entretanto, há uma lacuna sobre tal temática, que carece de evidências empíricas que validem ou refutem tais argumentos para a realidade brasileira. Por isso, esta pesquisa tem o objetivo de verificar empiricamente, se a gestão ambiental influencia positivamente o desempenho das operações de empresas do setor automotivo brasileiro, com foco no segmento de autopeças e componentes automotivos. Metodologicamente, realizou-se um survey com 75 empresas do setor mencionado, cujos dados foram analisados por meio de Modelagem de Equações Estruturais, uma análise multivariada de segunda-geração. Os principais resultados indicam que a adoção de práticas de gestão ambiental se relaciona positivamente com o desempenho operacional das empresas analisadas, confirmando a hipótese da pesquisa. Entretanto, a gestão ambiental explica o desempenho operacional com intensidade fraca, o que pode indicar que há outras variáveis de gestão organizacional influenciando o desempenho operacional das empresas, merecendo pesquisas futuras.

Keywords : Gestão ambiental; Sustentabilidade; Desempenho operacional; Setor automotivo; Modelagem de equações estruturais; Brasil.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese