SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 número4O cuidado e a clínica na formação do enfermeiro: saberes, práticas e modos de subjetivaçãoIdentificando necessidades de crianças com deficiência auditiva: uma contribuição para profissionais da saúde e educação índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Escola Anna Nery

versão impressa ISSN 1414-8145

Resumo

PROCHET, Teresa Cristina  e  SILVA, Maria Julia Paes da. Percepção do idoso dos comportamentos afetivos expressos pela equipe de enfermagem. Esc. Anna Nery [online]. 2011, vol.15, n.4, pp. 784-790. ISSN 1414-8145.  http://dx.doi.org/10.1590/S1414-81452011000400018.

Objetivo:Identificar a percepção do comportamento da afetividade, pelo idoso hospitalizado, do cuidado recebido pela Equipe de Enfermagem. Material e Método: Estudo quantitativo, transversal e de campo desenvolvido com 28 idosos. Utilizou-se instrumento composto por 21 tipos de comportamento verbais e não verbais. Resultados: Os resultados positivos dos comportamentos verbais incluíram as ações de conversar (57,2%), orientar (60,7%), respeitar (50%), proporcionar segurança (44,6%) e demonstrar honestidade (96,4%). Os positivos da dimensão não verbal reuniram aspectos relacionados ao respeito (63,4%), tocar (46,4%), ouvir/escutar (23,2%) e olhar como expressão positiva (71,4%). Conclusão: A maioria dos idosos percebeu como positiva a afetividade do cuidado recebido pela Equipe de Enfermagem no que se refere à dimensão verbal, sendo o comportamento mais evidente a demonstração da sinceridade. As atitudes não verbais de ser ouvido/escutado e tocado com delicadeza assumiram avaliação negativa. A afetividade nas ações de enfermagem são percebidos pelo idoso, e estes interferem na avaliação da qualidade assistencial.

Palavras-chave : Cuidados de enfermagem; Comunicação; Idoso; Enfermagem Geriátrica; Emoções.

        · resumo em Inglês | Espanhol     · texto em Português     · pdf em Português