SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.32 special issueContributions to the training of Psychologists: analyzing Carolina Bori’s articles published until 1962Psychology, Philosophy, crossroads, experimentations: the possible ways in the dialogue with Kierkegaard and Foucault author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Psicologia: Ciência e Profissão

Print version ISSN 1414-9893

Abstract

BICALHO, Pedro Paulo Gastalho de; MAGALHAES, Kely Cristina; CASSAL, Luan Carpes Barros  and  GERALDINI, Janaína Rodrigues. Cinquenta anos de produção do conhecimento: práticas políticas da pesquisa em Psicologia. Psicol. cienc. prof. [online]. 2012, vol.32, n.spe, pp. 264-275. ISSN 1414-9893.  http://dx.doi.org/10.1590/S1414-98932012000500019.

A Psicologia, em seus cinquenta anos de regulamentação no Brasil, torna-se um saber difundido por suas intervenções: no campo, na formulação de políticas públicas e na produção de conhecimento acadêmico. A proposta deste artigo é pensar acerca das tensões que emergem no ato de pesquisar e sobre os efeitos produzidos por esse ato, ao mesmo tempo em que a transformação da realidade e as implicações éticas do pesquisador se mostram presentes diante de tais processos. Por meio dessas análises, novas perguntas são elaboradas para o campo de produção do conhecimento, convidando os leitores a considerar o ato de pesquisar como prática política. Entende-se o processo de produção de conhecimento a partir de linhas móveis de visibilidade e de enunciação que se compõem em redes, nas quais o pesquisador não é neutro, mas realiza escolhas associadas a afetos, tensões e desejos. O papel da pesquisa é colocado em análise, sob a ótica da produção de efeitos e da ciência como prática nômade e híbrida.

Keywords : Psicologia; Política científica e tecnológica; Construção de conhecimento; Ética.

        · abstract in English | Spanish     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese