SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.9 número4Avaliação de um hidrociclone de Rietema para remoção de areia da água de irrigaçãoSonda de TDR para estimativa da umidade e condutividade elétrica do solo, com uso de multiplexadores índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental

versão On-line ISSN 1807-1929

Resumo

SPOHR, Renato B. et al. Irrigação na produção de silagem de milho e sorgo, em sucessão ao arroz de terras altas. Rev. bras. eng. agríc. ambient. [online]. 2005, vol.9, n.4, pp. 469-474. ISSN 1807-1929.  http://dx.doi.org/10.1590/S1415-43662005000400005.

Tendo em vista o propósito de se avaliar épocas de semeadura para maximizar a produção de arroz de terras altas e de milho e sorgo em sucessão e avaliar o retorno econômico desse sistema de produção irrigado, na região de Santa Maria, RS, conduziu-se este trabalho em área experimental do Departamento de Engenharia Rural da Universidade Federal de Santa Maria, no ano agrícola 2001/2002. Conduziu-se dois experimentos em delineamento experimental de blocos ao caso, com quatro repetições. O primeiro experimento constituiu-se de quatro datas de semeadura do arroz (18 de setembro, 4 de outubro, 19 de outubro e 5 de novembro); no segundo experimento foram utilizadas as seguintes datas de semeadura do milho e do sorgo, semeados após a colheita do arroz, em 28 de janeiro, 8 de fevereiro, 20 de fevereiro e 5 de março. As datas de semeadura do arroz ocasionaram diferenças no rendimento de grãos, apresentando a máxima eficiência técnica (5,80 Mg ha-1) na semeadura estimada de 13 de outubro. Na sucessão de culturas irrigadas de arroz de terras altas para produção de grãos e sorgo para produção de silagem, a maior receita líquida foi observada com a semeadura do arroz, na segunda quinzena de setembro.

Palavras-chave : rotação de culturas; zoneamento agrícola; massa seca.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · pdf em Português