SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 issue3Morphological dimorphism in the Y chromosome of "pé-duro" cattle in the Brazilian State of PiauíGenetic parameters of test day milk yields of Holstein cows author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Genetics and Molecular Biology

Print version ISSN 1415-4757

Abstract

COSTA, Claudio Napolis. An investigation into heterogeneity of variance for milk and fat yields of Holstein cows in Brazilian herd environments. Genet. Mol. Biol. [online]. 1999, vol.22, n.3, pp. 375-381. ISSN 1415-4757.  http://dx.doi.org/10.1590/S1415-47571999000300015.

Registros de produção de leite e de gordura de primeira lactação de vacas da raça Holandesa foram utilizados para estudar a heterogeneidade de variância entre rebanhos, os quais foram classificados em dois grupos (baixo e alto) com base no desvio padrão fenotípico da produção de leite por rebanho-ano (HYSD). Componentes de (co)variância dos efeitos de reprodutor e resíduo, heritabilidade e correlação genética entre grupos de baixo e alto HYSD foram estimados através de análises bivariadas, usando-se um modelo reprodutor e o método da máxima verossimilhança restrita com um algoritmo livre de derivações. Os componentes de variância de reprodutor e de resíduo para a produção de leite (produção de gordura) nos rebanhos de baixo HYSD foram respectivamente 79% e 57% (67% e 60%) dos valores estimados para os rebanhos de alto HYSD. As estimativas de heritabilidade para a produção de leite e de gordura foram maiores (0,30 e 0,22) nos rebanhos de baixo HYSD que nos rebanhos de alto HYSD (0,23 e 0,20). As correlações genéticas para a produção de leite e de gordura entre os dois grupos de rebanhos foram respectivamente 0,997 e 0,985. A resposta correlacionada esperada nos rebanhos de baixo HYSD, usando-se informações dos rebanhos de alto HYSD, foram 0.89 kg/kg para a produção de leite e 0,80 kg/kg para a produção de gordura. As avaliações genéticas no Brasil devem considerar a heterogeneidade de variância para aumentar a precisão das avaliações e a eficiência da seleção para a produção de leite e de gordura na raça Holandesa. A resposta à seleção é menor nos rebanhos de baixo HYSD do que nos rebanhos de alto HYSD devido à redução das diferenças na resposta da progênie e nos valores genéticos dos reprodutores nos rebanhos de baixo HYSD. Os investimentos na seleção de reprodutores para aumento da produção têm maior probabilidade de sucesso nos rebanhos de alto HYSD do que nos rebanhos de baixo HYSD.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English