SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.22 issue3A leukocyte cryopreservation technique for cytogenetic studiesEffects of turmeric and its active principle, curcumin, on bleomycin-induced chromosome aberrations in Chinese hamster ovary cells author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Genetics and Molecular Biology

Print version ISSN 1415-4757On-line version ISSN 1678-4685

Abstract

BURIM, Regislaine V.; CANALLE, Renata; LOPES, João L. Callegari  and  TAKAHASHI, Catarina S.. Genotoxic action of the sesquiterpene lactone glaucolide B on mammalian cells in vitro and in vivo. Genet. Mol. Biol. [online]. 1999, vol.22, n.3, pp.401-406. ISSN 1415-4757.  http://dx.doi.org/10.1590/S1415-47571999000300020.

O glaucolido B é uma lactona sesquiterpênica, g-lactona a,b-insaturada, isolada da Vernonia eremophila Mart. (Vernonieae, Asteraceae); apresenta atividade esquistossomicida e antimicrobiana, além de atividade analgésica. A aceitação de uma substância para uso medicinal também depende de dados sobre sua toxicidade, além de sua eficiência medicinal. Assim, o objetivo deste trabalho foi testar a atividade clastogênica e citotóxica do composto glaucolido B in vitro e in vivo, utilizando linfócitos em cultura temporária e células da medula óssea de camundongos BALB/c, respectivamente. Analisaram-se o índice mitótico (MI) e as aberrações cromossômicas nos sistemas in vitro e in vivo, e trocas entre cromátides irmãs (SCE) e índice proliferativo (PI) somente no ensaio in vitro. Nas culturas de linfócitos humanos as concentrações superiores a 15 µg/ml de meio de cultura inibiram totalmente o crescimento celular. Os testes realizados com as concentrações 2, 4 e 8 µg/ml de meio de cultura demonstraram que o glaucolido B induziu aumento significativo na freqüência de aberrações cromossômicas nas culturas tratadas com as duas maiores concentrações, e mostrou-se citotóxico em concentrações iguais ou superiores a 8 µg/ml de meio de cultura, mas não aumentou a freqüência basal de SCE. A análise das células de medula óssea de camundongos não revelou aumento significativo na freqüência de aberrações cromossômicas com a administração de diferentes concentrações de glaucolido B (160, 320 e 640 mg/kg de peso corpóreo), e também não interferiu na divisão celular. Assim, este composto não apresentou ação clastogênica sobre células de mamíferos in vivo, no entanto teve efeito citotóxico e clastogênico in vitro, sendo necessário cautela no seu possível uso como medicamento.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License