SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 issue2Feeding in pregnancy and postpartumBioavailability of lycopene author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista de Nutrição

Print version ISSN 1415-5273

Abstract

BARBOSA, Roseane Moreira Sampaio; SALLES-COSTA, Rosana  and  SOARES, Eliane de Abreu. Guias alimentares para crianças: aspectos históricos e evolução. Rev. Nutr. [online]. 2006, vol.19, n.2, pp. 255-263. ISSN 1415-5273.  http://dx.doi.org/10.1590/S1415-52732006000200012.

Os guias alimentares possuem duas propostas: a primeira, ser um guia de saúde pública, e a segunda, uma ferramenta de educação nutricional. Este trabalho objetiva apresentar um histórico dos guias alimentares e suas características, bem como abordar os guias dietéticos desenvolvidos especificamente para crianças. Foi realizado um levantamento bibliográfico dos últimos dez anos, em base de dados Medline utilizando as palavras-chave guia alimentar, guia dietético infantil e pirâmide alimentar infantil. Desde 1916, os guias alimentares vêm sendo desenvolvidos a fim de traduzir as recomendações de uma dieta saudável para população, porém somente a partir de 1999 foi desenvolvido pelo United States Departament of Agriculture um guia alimentar para crianças. Observou-se que os guias alimentares infantis, de modo geral, foram elaborados recentemente. Poucos países os desenvolveram de acordo com o hábito alimentar das crianças, utilizando alimentos típicos da idade e tamanho das porções específicas para essa faixa etária, considerando a limitada capacidade gástrica das crianças. Conclui-se que é muito importante desenvolver, implementar e validar os guias alimentares infantis, pois são uma ferramenta de educação nutricional para a formação de hábitos saudáveis e para a prevenção de doenças crônicas.

Keywords : criança; educação nutricional; guias alimentares; pirâmide alimentar.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese