SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 issue2Food habits and risk of cardiovascular disease in schoolchildren from Ouro Preto, Minas Gerais author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista de Nutrição

Print version ISSN 1415-5273

Abstract

LISBOA, Maria Beatriz Monteiro de Castro et al. Prevalência de anemia ferropriva em crianças menores de 60 meses: estudo de base populacional no Estado de Minas Gerais, Brasil. Rev. Nutr. [online]. 2015, vol.28, n.2, pp.121-131. ISSN 1415-5273.  https://doi.org/10.1590/1415-52732015000200001.

OBJETIVO:

Identificar a prevalência de anemia em crianças menores de 60 meses e seus fatores condicionantes, em Minas Gerais.

MÉTODOS:

Estudo transversal com amostra probabilística de 725 crianças menores de 60 meses de idade, de ambos os sexos, realizado entre fevereiro de 2007 e julho de 2008, em Minas Gerais. Por meio de inquérito domiciliar aplicado aos responsáveis pelas crianças, foram obtidas informações sobre as condições socioeconômicas, demográficas e situação de segurança alimentar, bem como obtidas as medidas antropométricas. A dosagem de hemoglobina foi analisada em hemoglobinômetro portátil, considerando-se como anemia valor <11,0 g/ dL. A análise estatística estimou a prevalência da anemia e sua associação com condições socioeconômicas, demográficas e segurança alimentar. O modelo foi ajustado por regressão logística multivariada. Adotou-se p<0,05 como nível crítico para definir significância estatística.

RESULTADOS:

A prevalência de anemia foi de 37,4%. A maior prevalência ocorreu na faixa etária de 6 a 24 meses (43,0%). As variáveis associadas foram: sexo feminino (RP=1,43; p<0,026); idade (RP=1,53; p<0,024) e não frequentar creche (RP=2,41; p<0,001). No modelo de regressão multivariada, permaneceram as variáveis sexo feminino e não frequentar creche.

CONCLUSÃO:

O presente estudo, de base populacional, mostrou que em Minas Gerais um terço das crianças (37,5%) com menos de 60 meses de idade apresentava anemia ferropriva. Os resultados revelaram que não frequentar creche e ser do sexo feminino configuram situações de risco à ocorrência de anemia.

Keywords : Anemia ferropriva; Segurança alimentar e nutricional; Prevalência; Fatores de risco.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf )