SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.10 issue4Hospitalization for Diabetes Mellitus as the first-listed diagnosis in the Brazilian National Health System (SUS), 1999-2001Validity of a quantitative food frequency questionnaire developed for women in the Northeast of Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Epidemiologia

Print version ISSN 1415-790XOn-line version ISSN 1980-5497

Abstract

FRAGOSO, Yara Dadalti  and  PERES, Maristela. Prevalência de esclerose múltipla na cidade de Santos, SP. Rev. bras. epidemiol. [online]. 2007, vol.10, n.4, pp.479-482. ISSN 1415-790X.  http://dx.doi.org/10.1590/S1415-790X2007000400005.

OBJETIVO: Estudar a prevalência da esclerose múltipla (EM) no município de Santos, SP. METODOLOGIA: Análise dos dados do Centro de Referência em EM do Litoral Paulista, da Associação de Portadores de EM da Baixada Santista (APEMBS), com participação ativa de todos os neurologistas e neurocirurgiões da cidade, dados do IBGE, dados da Prefeitura Municipal de Santos, dados do EMPLASA. Foi usado o método proposto pelo BCTRIMS (já utilizado em outros estudos semelhantes) para coleta e análise de dados, sendo 30 de junho de 2005 o dia da prevalência. RESULTADOS: Santos tem uma área de 280,3 km2, com 418.316 habitantes (1,49 habitantes por km2). Foram identificados 65 pacientes, dando um índice de 15,54/100.000. O sintoma inicial mais freqüente foi neurite óptica (28,8%). CONCLUSÃO: os dados no município de Santos são semelhantes aos já registrados porém não publicados de outras cidades do estado de São Paulo e do Brasil.

Keywords : Esclerose múltipla; Prevalência.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License