SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.13 issue4Nutritional and clinical status, and dietary patterns of people living with HIV/AIDS in ambulatory care in Sao Paulo, BrazilSitting-time means and correlates in adults living in Ribeirão Preto-SP, Brazil, in 2006: OBEDIARP project author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Epidemiologia

Print version ISSN 1415-790X

Abstract

LOPES, João Altamiro et al. Fatores associados à atividade física insuficiente em adultos: estudo de base populacional no sul do Brasil. Rev. bras. epidemiol. [online]. 2010, vol.13, n.4, pp. 689-698. ISSN 1415-790X.  http://dx.doi.org/10.1590/S1415-790X2010000400013.

O objetivo desse estudo foi estimar a prevalência de atividade física (AF) insuficiente na população adulta do município de Lages (Santa Catarina) em 2007 e verificar os fatores associados a este desfecho. Trata-se de um estudo transversal de base populacional. A amostra foi obtida através de sorteio em múltiplos estágios de adultos entre 20 e 59 anos, de ambos os sexos (n = 2.051). Empregou-se o Questionário Internacional de Atividade Física (IPAQ), versão curta, para estimar a prevalência de AF insuficiente, definida como tempo gasto em atividade física moderada ou vigorosa menor do que 150 minutos por semana. Considerou-se como referência a semana anterior à entrevista. A prevalência de AF insuficiente foi de 29,6% (IC95%: 27,6; 31,7). No modelo ajustado, a atividade física insuficiente foi associada positivamente ao sexo masculino, renda familiar alta, obesidade e auto-avaliação negativa de saúde. As prevalências de AF insuficiente foram menores do que as relatadas pela maioria dos estudos brasileiros. Pesquisas que distingam diferentes tipos de atividade física podem contribuir para melhor conhecer o perfil de uma população a fim de contribuir para a implantação de políticas públicas que estimulem a população à prática regular de exercícios.

Keywords : Exercício físico; Atividade física; Epidemiologia; Estudos transversais; Prevalência; Fatores de risco.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese