SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 issue2Continuous-use medication and associated factors in the elderly living in Quixadá, Ceará, BrazilEpidemiology of powdered glass-coated kite line injuries: victims admitted to a trauma hospital in Belo Horizonte, Brazil author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Epidemiologia

Print version ISSN 1415-790X

Abstract

CARRENO, Ioná; BONILHA, Ana Lúcia de Lourenzi  and  COSTA, Juvenal Soares Dias da. Perfil epidemiológico das mortes maternas ocorridas no Rio Grande do Sul, Brasil: 2004-2007. Rev. bras. epidemiol. [online]. 2012, vol.15, n.2, pp. 396-406. ISSN 1415-790X.  http://dx.doi.org/10.1590/S1415-790X2012000200017.

Foi analisado o perfil epidemiológico das mortes maternas ocorridas no período de 2004-2007, no Rio Grande do Sul, através da Razão de Mortalidade Materna e da Razão de Mortalidade Materna Específica. Foram utilizados dados do Sistema de Informações de Saúde, sendo observados 323 óbitos maternos. Para a análise dos indicadores foi empregada a regressão de Poisson e testes estatísticos. Observou-se que no Estado houve um decréscimo na razão de mortalidade materna (0,98), contudo não foram encontradas diferenças nas medidas de estimativas (IC95% 0,87-1,10). A RMME foi maior em mulheres com mais de 40 anos, com baixo nível de escolaridade, de cor preta e sem companheiro. O período de maior estimativa de risco na morte materna foi durante a gravidez e o parto, e entre as principais causas diretas observadas foram constatadas hipertensão arterial e hemorragia. A mortalidade materna é um indicador importante que deve ser enfrentado e reduzido, pois a maior parte dos óbitos pode ser evitada.

Keywords : Mortalidade Materna; Saúde da mulher; Estatísticas vitais; Saúde reprodutiva; Indicadores Básicos de Saúde.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese