SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.19 issue1Air pollutants associated with insufficient birth weightComparative study of cardiovascular and cancer mortality of Adventists and non-Adventists from Espírito Santo State, in the period from 2003 to 2009 author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Epidemiologia

Print version ISSN 1415-790XOn-line version ISSN 1980-5497

Abstract

ANDRADE, Silvânia Suely Caribé de Araújo  and  JORGE, Maria Helena Prado de Mello. Estimativa de sequelas físicas em vítimas de acidentes de transporte terrestre internadas em hospitais do Sistema Único de Saúde. Rev. bras. epidemiol. [online]. 2016, vol.19, n.1, pp.100-111. ISSN 1415-790X.  http://dx.doi.org/10.1590/1980-5497201600010009.

Objetivos:

Descrever o perfil das vítimas que foram internadas por lesões decorrentes de acidentes de transporte terrestre (ATT) e com diagnóstico sugestivo de sequelas físicas, no Brasil, de 2000 a 2013, e analisar sua tendência temporal neste período.

Métodos:

Estudo ecológico com dados do Sistema de Informações Hospitalares do Sistema Único de Saúde (SIH/SUS). Foi utilizada regressão de Prais-Winstein para estudo das tendências.

Resultados:

No período estudado, ocorreram 1.747.191 internações por ATT. O estudo destas identificou 410.448 pessoas (23,5%) com diagnóstico sugestivo de sequelas físicas. Destas, 77,7% eram do sexo masculino, 26,5% na faixa etária de 20 a 29 anos, 46,4% residentes na Região Sudeste, 32,5% pedestres e 31,1% motociclistas. Para sequela "certeza" foram observadas 51.189 casos (12,5%), 43,8% eram pedestres. Houve 359.259 internações cujo diagnóstico sugeria sequela física "provável", destes 43,3% eram motociclistas. A tendência foi de estabilidade para as internações por ATT relacionadas ao total de pacientes com sequelas físicas e com sequela "provável". Todavia, foi observado aumento nas internações por ATT com diagnóstico sugestivo de sequela "certeza" no sexo masculino e nas regiões Norte e Centro-Oeste.

Conclusão:

As internações com diagnóstico sugestivo de sequelas físicas representaram cerca de 1/4 das internações por ATT registradas. As maiores proporções foram no sexo masculino, entre os adultos jovens, residentes na região Sudeste e entre os pedestres. Houve estabilidade na tendência das taxas de internação por ATT com diagnóstico sugestivo de sequelas físicas para o Brasil e regiões, mas tendência ascendente para sequela "certeza" para a região Centro-Oeste e Norte e para o sexo masculino.

Keywords : Acidentes de trânsito; Complicações; Distribuição temporal; Causas Externas; Sistemas de informação; Brasil..

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf ) | Portuguese ( pdf )