SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.21 issue3SHORTENING DISTANCES: THE USE OF THE DATAVIVA PLATFORM TO IDENTIFY OPPORTUNITIES FOR ECONOMIC SOPHISTICATION IN MINAS GERAISDETERMINANTS OF PARTICIPATION AND ACCEPTANCE FOR PAYMENTS FOR ENVIRONMENTAL SERVICES: A CASE STUDY IN BRAZIL author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista de Economia Contemporânea

Print version ISSN 1415-9848On-line version ISSN 1980-5527

Abstract

BARONE, Ricardo Strazzacappa; BASTOS, Pedro Paulo Zahluth  and  MATTOS, Fernando Augusto Mansor de. CAPITAL HUMANO OU CAPITALISMO SELVAGEM? UM BALANÇO DA CONTROVÉRSIA SOBRE DISTRIBUIÇÃO DE RENDA DURANTE O “MILAGRE” BRASILEIRO. Rev. econ. contemp. [online]. 2017, vol.21, n.3, e172132.  Epub Apr 05, 2018. ISSN 1415-9848.  http://dx.doi.org/10.1590/198055272132.

O artigo tem por objetivo realizar um balançoda controvérsia sobre a distribuição de renda no Brasil na década de 1960. Para tanto, apresentamos os principais argumentos da interpretação “oficial”, fundamentada e justificada no trabalho de Langoni (1973), bem como as principais críticas a ela endereçadas pelas interpretações alternativas. A interpretação “oficial” considerou que o aumento na desigualdade da distribuição de renda entre 1960 e 1970 seria consequência natural e transitória do descompasso entre demanda e oferta de mãodeobra qualificada, num contexto de intenso crescimento econômico. Consideramos, em linha com as interpretações alternativas, que a interpretação “oficial” apresentouargumentos que obscureceram a importância de elementos teóricos e empíricos relacionados com ahierarquia organizacional das empresas, a política econômica do governo militar e o padrão de desenvolvimento capitalista no Brasil.

Keywords : Brasileiro; desigualdade de renda; diferenciais salariais.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )