SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.13 número especialCaracterísticas produtivas do manjericão (Ocimum basilicum L.) em função do espaçamento entre plantas e entre linhasÉpoca de colheita e qualidade fisiológica de sementes de coentro produzidas no norte de Minas Gerais índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Plantas Medicinais

versão impressa ISSN 1516-0572

Resumo

RODRIGUES, T.S.; GUIMARAES, S.F.; RODRIGUES-DAS-DORES, R.G.  e  GABRIEL, J.V.. Métodos de secagem e rendimento dos extratos de folhas de Plectranthus barbatus (boldo-da-terra) e P. ornatus (boldo-miúdo). Rev. bras. plantas med. [online]. 2011, vol.13, n.spe, pp.587-590. ISSN 1516-0572.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-05722011000500014.

Plectranthus sp. pertence à família Lamiaceae e inclui cerca de 300 espécies. Duas delas, P. barbatus (PB) e P. ornatus (PO) destacam-se pelo interesse medicinal. As principais substâncias encontradas em Plectranthus sp. são os diterpenóides, óleos essenciais e compostos fenólicos. A melhor forma de utilizar as folhas de PB e PO é a fresco; porém, na comercialização há necessidade de recorrer a processos de secagem. Entretanto, isto pode interferir no princípio ativo, desta forma, estudos para determinar o melhor método gravimétrico são importantes. O objetivo deste estudo foi avaliar qual o melhor método de secagem, onde haja maior perda de água possível, e calcular os rendimentos dos extratos visando avaliar se o método gravimétrico interfere na quantidade de extrato produzido. Desta forma, utilizou-se quatro métodos de secagem e após evaporação do solvente, fez-se o cálculo do rendimento dos extratos secos. O percentual de água foi superior em PB e PO (média geral de 90,12±8,22%). Dentre as secagens, em estufa de ventilação forçada (EVF) foi mais eficiente em PB (88,87%) e em estufa convencional (ECO) foi melhor em PO (95,13%). O maior rendimento do extrato seco em PB foi na secagem em camada delgada (CD) (20,96%), enquanto que em PO foi ECO (41,34%). Não houve correlação entre o método de secagem e o rendimento de extrato obtido.

Palavras-chave : Boldos-do-Brasil; gravimetria; pós-colheita.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons