SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 número4  suppl.2Diversidade e usos de plantas medicinais nos quintais da comunidade de São João da Várzea em Mossoró, RNAtividade anti bacteriana e compostos químicos das folhas e ramos de Protium hebetatum índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Plantas Medicinais

versão impressa ISSN 1516-0572versão On-line ISSN 1983-084X

Resumo

MATOS, D.O. et al. Determinação de ácido rosmarínico em Cordia verbenacea por cromatografia líquida: aplicabilidade em estudo sazonal. Rev. bras. plantas med. [online]. 2015, vol.17, n.4, suppl.2, pp.857-864. ISSN 1516-0572.  http://dx.doi.org/10.1590/1983-084X/14_125.

Neste estudo, uma técnica de cromatografia líquida de alta resolução em fase reversa (CLAE-FR) para a determinação de ácido rosmarínico em Cordia verbenacea foi desenvolvida e validada. A análise de regressão foi avaliada, com observação de uma boa linearidade (r = 0,9997). Os valores obtidos para a precisão e exatidão estão de acordo com as diretrizes do ICH e com a legislação brasileira. Os valores de repetibilidade e precisão intermediária foram 2,79% e 4,76%, respectivamente. Os limites de detecção e de quantificação de ácido rosmarínico foram de 1,92 µg/mL e 5,81 µg/mL, respectivamente. Os resultados mostraram que o método desenvolvido é uma técnica por CLAE-FR de confiança para a determinação de ácido rosmarínico em tintura de C. verbenacea. Além disso, essa metodologia foi aplicada em estudo sazonal, que revela uma correlação positiva relativamente forte entre o período de chuvas e o teor de ácido rosmarínico.

Palavras-chave : Cordia verbenacea; ácido rosmarínico; CLAE.

        · resumo em Inglês     · texto em Português     · Português ( pdf )