SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.9 issue4Vestibular disorders in childhood: study of spatial disordersAuditory brainstem implant: a review author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista CEFAC

On-line version ISSN 1982-0216

Abstract

LOPES, Gabriela; RUSSO, Iêda Chaves Pacheco  and  FIORINI, Ana Cláudia. Estudo da audição e da qualidade de vida em motoristas de caminhão. Rev. CEFAC [online]. 2007, vol.9, n.4, pp. 532-542. ISSN 1982-0216.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-18462007000400014.

OBJETIVO: estudar a audição e a sua relação com a qualidade de vida em motoristas de caminhão. MÉTODOS: realizou-se um estudo epidemiológico do tipo transversal de inquérito. Estudou-se 75 motoristas de caminhão, que responderam a anamnese, preencheram o questionário sobre Qualidade de vida (WHOQOL-bref) e se submeteram a audiometria tonal liminar e logoaudiometria. Classificou-se a Perda Auditiva Induzida por Ruído (PAIR), segundo o critério utilizado por Fiorini (1994). RESULTADOS: dos 75 audiogramas analisados, 50 sujeitos (66,7%) apresentaram audição dentro dos padrões de normalidade (Grupo 1) e 25 sujeitos (33,3%) apresentaram audiogramas com alterações: 20 (80,0%) foram classificados como sugestivos de PAIR (Grupo 2) e cinco (20,0%) foram sugestivos de outras causas (Grupo 3). Houve associação e/ou dependência entre os Grupos e a Idade (p=0,007) e entre os Grupos e os Anos de Profissão (p = 0,049). No Grupo 1 - Normalidade, houve correlações estatisticamente significantes para os domínios: Físico x Psicológico (p<0,001), Social x Físico (p<0,001), Meio Ambiente x Físico (p<0,001), Psicológico x Social (p=0,002), Psicológico x Meio Ambiente (p=0,001) e Meio Ambiente x Social (p<0,001). No Grupo 2 - Sugestivo de PAIR, as correlações foram: Físico x Psicológico (p=0,002), Psicológico x Social (p<0,001), Psicológico x Ambiente (p=0,005) e Ambiente x Social p=(0,026). CONCLUSÃO: a prevalência de alterações auditivas sugestivas de PAIR foi de 28,6% nesta classe profissional, porém, a qualidade de vida não esteve relacionada aos resultados obtidos nos audiogramas.

Keywords : Perda Auditiva; Qualidade de Vida; Saúde do Trabalhador; Ruído Ocupacional; Audiometria; Audiologia.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese