SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.11 issue4Swallowing of oral and nose breathers: speech-language and electromyography assessmentVoice and temporomandibular joint disorders in teachers author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista CEFAC

Print version ISSN 1516-1846

Abstract

FURKIM, Ana Maria; DUARTE, Silvana Triló; SACCO, Andrea de Freitas Baldi  and  SORIA, Franciele Savaris. O uso da ausculta cervical na inferência de aspiração traqueal em crianças com paralisia cerebral. Rev. CEFAC [online]. 2009, vol.11, n.4, pp. 624-629. ISSN 1516-1846.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-18462009000800011.

OBJETIVO: comparar a detectabilidade da ausculta cervical na avaliação clínica com a comprovação da aspiração na videofluoroscopia da deglutição em crianças com paralisia cerebral tetraparética espástica com disfagia orofaríngea. MÉTODOS: estudo retrospectivo com análise de 101 prontuários de crianças, na faixa etária de 1 a 12 anos, pertencentes a uma instituição, com diagnóstico de paralisia cerebral tetraparética espástica e que foram encaminhadas e avaliadas por equipe interdisciplinar. Foi realizada anamnese com avaliação clínica da alimentação com ausculta cervical e videofluoroscopia da deglutição. RESULTADOS: os resultados estatísticos mostraram que há relação significante entre a ausculta cervical positiva e a penetração ou aspiração laríngea constatada na videofluoroscopia da deglutição e que a ausculta cervical negativa está mais associada à não penetração/aspiração. CONCLUSÃO: concluiu-se que a ausculta cervical pode ser utilizada para inferência do risco de aspiração e, portanto, como alerta para atuação precoce nessa população, além da vantagem de ser um método não invasivo.

Keywords : Transtornos de Deglutição; Paralisia Cerebral; Fluoroscopia; Pneumonia Aspirativa.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese