SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.12 issue3Emergence of symbolic schemes in children with Down syndrome, very-low-birth-weight preterm, and typically developing childrenThe process of speech erasing in subjects with verbal dispraxy author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista CEFAC

Print version ISSN 1516-1846

Abstract

MEZZOMO, Carolina Lisbôa; MOTA, Helena Bolli; DIAS, Roberta Freitas  and  GIACCHINI, Vanessa. Fatores relevantes para aquisição da coda lexical e morfológica no português brasileiro. Rev. CEFAC [online]. 2010, vol.12, n.3, pp. 412-420.  Epub Feb 26, 2010. ISSN 1516-1846.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-18462010005000008.

OBJETIVO: analisar as variáveis relevantes na aquisição das codas, morfológica (ex. cadeiras) e lexical (ex. lápis), quando preenchidas pela fricativa /S/ em final de palavra. MÉTODOS: verificaram-se os dados de fala de 15 crianças, 10 meninas e 5 meninos, entre 1:7 e 3:7, falantes monolíngues do português brasileiro, gravados quinzenalmente por um período de um ano. Os dados de fala foram obtidos por meio de atividades lúdicas, transcritos e revistos. Estes foram submetidos à análise estatística através do uso do Pacote Computacional VARBRUL. RESULTADOS: o programa selecionou, para ambas as codas as variáveis, classe gramatical e sexo, como relevantes a produção correta. Dentre as classes gramaticais, pronomes e advérbios, foram apontados como favorecedores à produção correta para os dois tipos de coda. Somado a essas, o programa selecionou também para coda lexical a classe dos substantivos, e para coda morfológica a classe dos numerais. As variáveis, tonicidade e contexto precedente mostraram-se favorecedoras da produção das codas lexicais, com maior probabilidade de realização correta quando há uma sílaba tônica e o contexto precedente for composto por vogal dorsal. A idade foi considerada uma variável favorecedora na produção da coda morfológica, com resultado estaticamente significante nas crianças mais velhas. CONCLUSÃO: observou-se que a classe gramatical e o sexo são importantes no domínio de ambos os tipos de coda, no entanto, o processo de domínio de /S/ nos dois casos mostrou variáveis distintas, podendo-se inferir que a criança as trata de maneira singular no seu processo de aquisição.

Keywords : Fala; Desenvolvimento Infantil; Comportamento Verbal; Linguística.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese