SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 issue1Assessing speech intelligibility level of children with phonological disorders: implications in social skillsConceptions of teacher of IES for articulated communicative and expressive development on evaluation of students on this performance author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista CEFAC

On-line version ISSN 1982-0216

Abstract

MEZZOMO, Carolina Lisbôa et al. Aquisição da coda simples e complexa com /S/ em crianças com desvio fonológico. Rev. CEFAC [online]. 2013, vol.15, n.1, pp. 17-24.  Epub Nov 16, 2011. ISSN 1982-0216.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-18462011005000128.

OBJETIVO: descrever a produção das codas finais simples e complexa com /S/ em crianças com desvio fonológico e verificar a influência de variáveis linguísticas e extralinguísticas na aquisição das mesmas. MÉTODO: foram utilizados dados de fala de 66 crianças com desvio fonológico, 33 meninos e 33 meninas, entre 3:0 e 9:0. As amostras de fala foram coletadas transversalmente, com base no instrumento Avaliação Fonológica da Criança. Foram analisadas apenas as palavras alvo contendo coda simples lexical (ex.: talvez), coda simples morfológica (ex.: casas), coda complexa composta por nasal e fricativa (ex.: parabéns) e coda complexa com glide e fricativa (ex.: dois), totalizando um corpus de 481 palavras. Para ambos os tipos de coda foram consideradas como variáveis dependentes a produção correta do /S/, a omissão da coda ou sua substituição. Como variáveis intervenientes consideraram-se os fatores extralinguísticos idade, sexo e grau do desvio e as variáveis linguísticas classe gramatical, tonicidade, número de sílabas, contexto precedente e tipo de coda. Os dados de fala foram analisados estatisticamente através do VARBRUL, com grau de significância de 5%. RESULTADO: o programa estatístico selecionou como significante para a produção correta das codas simples e complexas as variáveis classe gramatical, tipo de coda e a gravidade do desvio em ordem decrescente de relevância estatística, com valor de p < 0,001. CONCLUSÃO: verificou-se que as variáveis gravidade do desvio, tipo de coda e classe gramatical influenciam de forma significante a produção das codas finais simples e complexas com o arquifonema /S/, em crianças com desvio fonológico.

Keywords : Distúrbios da Fala; Fala; Linguagem Infantil.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese