SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 issue1Muscle activity of chewing in temporomandibular joint ankylosisSelf-perception vocal and quality of life in the hypertensive individuals author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista CEFAC

On-line version ISSN 1982-0216

Abstract

OLIVEIRA, Karina Vitor de et al. Análise das medidas aerodinâmicas no português brasileiro por meio do método multiparamétrico de avaliação vocal objetiva assistida (EVA). Rev. CEFAC [online]. 2013, vol.15, n.1, pp. 119-127.  Epub June 26, 2012. ISSN 1982-0216.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-18462012005000053.

OBJETIVO: definir medidas aerodinâmicas em falantes do português brasileiro, sem queixas vocais, obtidas pelo programa EVA. MÉTODO: participaram do estudo 20 homens e 20 mulheres, que tiveram suas vozes analisadas. RESULTADOS: os valores médios referentes à pressão subglótica para vozes femininas e masculinas foram, respectivamente: Pressão subglótica= 5,84 hPa e 6,7 hPa, média da intensidade= 79,21 dB e 81,7 dB, média do fluxo oral= 0,09 dm3/s e 0,16 dm3/s, eficiência glótica= 13,87 dB/hPa e 12,78 dB/hPa, eficiência laríngea= 188,08 dB/(hPa.dm3/s) e 97,11 dB/(hPa.dm3/s), resistência laríngea= 96,26 hPa/(dm3/s) e 52,64 hPa/(dm3/s), média da frequência fundamental (F0)= 208,28 Hz e 136,56 Hz e pico da pressão do fluxo oral= 0,093 e 0,098. Houve diferença estatisticamente significante em relação ao gênero para as medidas de média de intensidade, eficiência laríngea, resistência laríngea e média da frequência fundamental. Os valores médios referentes ao fluxo oral para vozes femininas e masculinas foram respectivamente: Pressão subglótica= 6,05 hPa e 6,6 hPa, média da intensidade= 65,50 dB e 66,3 dB, média do fluxo oral= 0,10 dm3/s e 0,13 dm3/s, eficiência glótica= 11,12 dB/hPa e 11,77 dB/hPa, eficiência laríngea= 144,83 dB/(hPa.dm3/s) e 97,89 dB/(hPa.dm3/s), resistência laríngea= 78,98 hPa/(dm3/s) e 61,81 hPa/(dm3/s), média da F0= 222,52 Hz e 139,20 Hz e pico da pressão do fluxo oral= 0,047 e 0,053. CONCLUSÃO: o EVA é um programa ainda novo no Brasil, e a análise de medidas aerodinâmicas, em falantes do português brasileiro, permite a obtenção de valores de referência, possibilitando assim comparações com estudos futuros.

Keywords : Voz; Pressão do Ar; Acústica da Fala; Fonoaudiologia.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese