SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.118 issue3Proliferating cell nuclear antigen expression in mucoepidermoid carcinoma of salivary glandsLead poisoning after gunshot wound author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Sao Paulo Medical Journal

Print version ISSN 1516-3180

Abstract

SOARES-VIEIRA, José Arnaldo et al. Post-mortem forensic identity testing: application of PCR to the identification of fire victim. Sao Paulo Med. J. [online]. 2000, vol.118, n.3, pp. 75-77. ISSN 1516-3180.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-31802000000300005.

CONTEXTO: A análise do DNA tem sido utilizada com sucesso na identificação de carbonizados e de vítimas de grandes acidentes. A análise do DNA necessita de amostras de sangue dos familiares das vítimas como referência. Os familiares normalmente contribuem com a identificação doando uma amostra de sangue. OBJETIVO: Este trabalho descreve o uso da reação em cadeia de polimerase (PCR) para caracterização genética de uma vítima extensamente queimada pelo fogo. TIPO DE ESTUDO: Relato de caso RELATO DE CASO: O DNA foi extraído de sangue de câmara cardíaca e 15 loci (D1S80, ApoB, D17S30, D3S1744, D18S849, D12S1090, FGA, D7S820, D1S533, D9S304, HUMCSF1PO, HUMTPOX, HUMTHO1, amelogenina e HLA-DQA1) foram analisados utilizando-se a técnica da PCR. Os resultados de todos os loci analisados a partir de DNA genômico extraído do corpo carbonizado foram comparados com os resultados obtidos a partir de DNA genômico extraído de sangue dos supostos pais biológicos do corpo, revelando uma compatibilidade genética.

Keywords : Carbonizados; Tipagem de DNA; PCR; Identificação humana; Investigação de paternidade.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English