SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.123 número5Neutropenia, agranulocitose e dipironaFibroadenoma de mama supranumerária axilar: relato de caso índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Sao Paulo Medical Journal

versão impressa ISSN 1516-3180versão On-line ISSN 1806-9460

Resumo

MICHELETTI, Adilha Misson Rua et al. Angiofibroma celular da vulva: relato de caso com estudo clinicopatológico e imunoistoquímico. Sao Paulo Med. J. [online]. 2005, vol.123, n.5, pp.250-252. ISSN 1516-3180.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-31802005000500010.

CONTEXTO: O angiofibroma celular da vulva é um tumor raro que foi inicialmente descrito em 1997. Ocorre em mulheres de meia-idade (média de idade: 47 anos), apresentar pequeno tamanho (< 3 cm) e margem bem circunscrita. RELATO DE CASO: Descrevemos um caso em mulher de 51 anos de idade cujo diagnóstico pré-operatório foi confundido com cisto de glândula de Bartholin. A neoplasia era bem delimitada e constituída por três componentes característicos: células fusiformes formando pequenos fascículos, numerosos vasos sangüíneos e tecido adiposo entremeado às células fusiformes. As células do estroma eram positivas para vimentina e negativas para CD34, proteína S-100, actina e desmina. O diagnóstico diferencial deste distinto tumor inclui angiomixoma agressivo, angiomiofibroblastoma, lipoma, tumor fibroso solitário, perineurioma, e leiomioma.

Palavras-chave : Angiofibroma; Tecido conjuntivo; Mesênquima; Neoplasia; Vulva.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf epdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons