SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.127 issue3Oxcarbazepine for refractory epilepsy: systematic review of the literatureNegative pressure therapy (vacuum) for wound bed preparation among diabetic patients: case series author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Sao Paulo Medical Journal

Print version ISSN 1516-3180

Abstract

GUMIEIRO, Emne Hammoud et al. Implantes osseointegrados de titânio para reabilitação auricular: relato de caso e revisão da literatura. Sao Paulo Med. J. [online]. 2009, vol.127, n.3, pp. 160-165. ISSN 1516-3180.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-31802009000300009.

CONTEXTO E OBJETIVO: Os implantes osseointegrados adquiriram papel importante na reabilitação protética de pacientes com defeitos craniofaciais. As principais indicações são ausência local de tecidos para reconstrução autógena, falha anterior de reconstrução e opção do paciente. Este artigo apresenta um caso clínico e discute as indicações e vantagens da técnica de implantes osseointegrados para a retenção de próteses auriculares. TIPO DE ESTUDO E LOCAL: Relato de caso clínico, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). MÉTODOS: Paciente do sexo feminino recebeu três implantes na região auricular após ressecção cirúrgica de hemangioma na orelha esquerda. O tempo de osseointegração no osso temporal foi de três meses. Após a confecção de prótese auricular implanto-suportada, a paciente foi observada por 12 meses. RESULTADOS: Os parâmetros clínicos analisados mostraram boa cicatrização pós-operatória, saúde dos tecidos adjacentes ao implante, boa higiene e nenhuma perda de implantes. A boa higiene combinada a pouca espessura e imobilidade dos tecidos moles perimplantares resulta em poucas complicações. A integração dos implantes craniofaciais parece variar conforme o local, e a idade avançada afeta a osseointegração no osso temporal. A frequência de reações adversas cutâneas nos tecidos perimplantares é geralmente baixa. CONCLUSÃO: A técnica cirúrgica para a reabilitação com próteses auriculares implanto-suportadas parece ser simples e está associada a baixos índices de reações cutâneas adversas e complicações no longo prazo. As próteses ancoradas por implantes osseointegrados parecem proporcionar melhor retenção do que as próteses suportadas nas armações de óculos, menor possibilidade de descoloração pelo uso de adesivos e melhores resultados estéticos do que as próteses ancoradas na cavidade cirúrgica.

Keywords : Deformidades adquiridas da orelha; Neoplasias de cabeça e pescoço; Hemangioma; Próteses e implantes; Avaliação de resultados (cuidados de saúde).

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English