SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.128 issue6Positivity of HIV, hepatitis B and hepatitis C in patients enrolled in a confidential self-exclusion system of blood donation: a cross-sectional analytical studyA computed tomography scoring system to assess pulmonary disease among premature infants author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Sao Paulo Medical Journal

Print version ISSN 1516-3180

Abstract

SILVA, Camila Atallah Pontes da et al. Avaliação da suplementação pré-natal de cálcio e ácido fólico na gravidez em São Paulo. Sao Paulo Med. J. [online]. 2010, vol.128, n.6, pp.324-327. ISSN 1516-3180.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-31802010000600003.

CONTEXTO E OBJETIVO: Pré-eclâmpsia e defeitos no tubo neural podem ser prevenidas na gravidez. Atualmente há evidência de nível I de que a suplementação de cálcio durante a gestação pode prevenir pré-eclâmpsia, e que o uso de ácido fólico pode prevenir defeitos no tubo neural. O objetivo foi avaliar a proporção de pacientes em acompanhamento de pré-natal que recebem prescrição de suplementação de cálcio e/ou ácido fólico, bem como a proporção das pacientes prescritas que aderem ao uso das duas substâncias. TIPO DE ESTUDO E LOCAL: Estudo transversal em dois hospitais da grande São Paulo (Faculdade de Medicina da Fundação ABC, Santo André, e Hospital Municipal Maternidade Escola "Dr. Mário de Moraes Altenfelder Silva", Vila Nova Cachoeirinha). MÉTODOS: Foram incluídas primigestas precoces e tardias e gestantes hipertensas crônicas, e/ou com diabetes mellitus e nefropatas com a primeira consulta de pré-natal já realizada. RESULTADOS: Das 250 gestantes entrevistadas, 10,4% receberam prescrição de suplementação de cálcio, sendo que 80,76% responderam fazer uso de cálcio na forma de comprimidos. Em relação ao ácido fólico, 48% responderam ter recebido prescrição de suplementos contendo a substância, sendo que 64.16% começaram o uso dentro do período periconcepcional. CONCLUSÕES: A suplementação de cálcio e o uso periconcepcional de ácido fólico parecem não ser prescritos de forma rotineira pelos médicos, o que deve motivar a adoção de programas educacionais para obstetras sobre a utilização de intervenções baseadas na melhor evidência disponível.

Keywords : Cálcio; Ácido fólico; Defeitos do tubo neural; Pré-eclâmpsia; Suplementos dietéticos.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License