SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.129 issue2Serum lipid levels in pregnancies complicated by preeclampsia author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Sao Paulo Medical Journal

Print version ISSN 1516-3180

Abstract

STUGINSKI-BARBOSA, Juliana  and  SPECIALI, José Geraldo. Frequência de cefaleia em trabalhadores de uma empresa de borracha no Estado de São Paulo, Brasil. Sao Paulo Med. J. [online]. 2011, vol.129, n.2, pp.66-72. ISSN 1516-3180.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-31802011000200003.

CONTEXTO E OBJETIVO: Cefaleias primárias podem ser causa de absenteísmo, e de queda no rendimento e na produtividade do trabalho. O objetivo do estudo foi estabelecer a presença e frequência de cefaleia primária em funcionários de uma empresa de solados de borracha,e sua relação com absenteísmo. TIPO DE ESTUDO E LOCAL: Estudo transversal realizado com a ajuda do pessoal do departamento médico e social de uma empresa localizada no município de Franca, São Paulo. MÉTODO: Um questionário sobre as características da cefaleia foi distribuído a todos os funcionários. Os questionários devolvidos e preenchidos foram divididos em dois grupos: com e sem relato de cefaleia. As cefaleias foram classificadas em quatro grupos principais: migrânea, cefaleia do tipo tensional (CTT), cefaleia em salvas e outras cefaleias. Através da frequência da cefaleia, foi possível a classificação em cefaleia crônica diária (CCD). RESULTADOS: O número de questionários válidos foi de 392 (59%), 80,9% questionários eram de funcionários do gênero masculino, e 19,1%, do gênero feminino. Cento e vinte (30,6%) dos funcionários relataram apresentar cefaleia, sendo que 17,4% pertenceram ao grupo migrânea e 8,93% ao grupo CTT. O diagnóstico de migrânea foi o mais frequente (p < 0,001) dentre todos, e também entre as mulheres (p < 0,05). O diagnóstico de CTT foi mais frequente entre os homens (p < 0,05). CCD foi identificada em 14 indivíduos (3,6%). CONCLUSÕES: Cefaleia é um problema frequente entre os funcionários da empresa participante da pesquisa sendo a causa de absentismo em 8,7% dos que responderam o questionário.

Keywords : Saúde do trabalhador; Cefaleia; Transtornos de enxaqueca; Cefaleia tipo tensional; Absenteísmo.

        · abstract in English     · text in English     · English ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License