SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 issue1Evaluation of a signalgrass (Brachiaria decumbens Stapf) postponed pasture. 2. Availability of herbage and animal performance, during the dry seasonCarcass yield, meat physical characteristics and live weight components in lambs finished in three feeding systems author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Zootecnia

On-line version ISSN 1806-9290

Abstract

TONETTO, Cleber José et al. Ganho de peso e características da carcaça de cordeiros terminados em pastagem natural suplementada, pastagem cultivada de azevém (Lolium multiflorum Lam.) e confinamento. R. Bras. Zootec. [online]. 2004, vol.33, n.1, pp. 225-233. ISSN 1806-9290.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-35982004000100026.

Objetivou-se com este trabalho avaliar o desempenho e as características da carcaça de cordeiros, em três sistemas de alimentação. Foram utilizados 16 cordeiros, distribuídos aleatoriamente com suas mães, 24 horas após o nascimento, em três tratamentos: PNS: pastagem natural suplementada; PC: pastagem cultivada de azevém (Lolium multiflorum Lam.); e CON: confinamento. O ganho médio diário de 0,404 kg dos cordeiros da PC foi superior aos demais tratamentos, enquanto o ganho de 0,325 kg/dia dos animais da PNS foi superior aos ganhos de 0,213 kg/dia dos animais do CON. O abate ocorreu quando os cordeiros atingiram em torno de 31 kg. O peso da carcaça quente dos animais da PNS (15,7 kg) foi semelhante ao dos animais da PC (16,8 kg) e superior ao confinamento (14,3 kg). Os animais da PNS, PC e CON apresentaram resultados semelhantes para o índice de quebra ao resfriamento com valores de 2,3, 2,1 e 2,5%, respectivamente. Os rendimentos da carcaça quente dos animais de PNS (50,2%) e PC (53,7%) foram semelhantes e superiores aos rendimentos dos animais do CON (45,9%). A compacidade das carcaças não mostrou diferença entre PNS e PC, com valores de 0,287 e 0,307, respectivamente, os quais, porém, foram superiores aos animais do CON (0,253). As carcaças dos animais da PNS e CON não diferiram quanto à espessura de gordura com valores de 1,6 e 1,0 mm, respectivamente. Estes valores foram inferiores aos obtidos na PC (3,3 mm). Ganhos médios diários acima de 0,400 kg/dia e rendimento de carcaça quente acima de 52% podem ser obtidos com cordeiros alimentados com suas mães em pastagem cultivada de azevém, com peso de abate em torno dos 31 kg.

Keywords : carcaça quente; compacidade; espessura de gordura; ganho médio diário; sistemas de alimentação.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese