SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34 issue1Different sources of protein in the diet of newly hatched chicksCrude protein levels of ration with amino acid supplementation to gilts maintained in a thermal comfort environment from 30 to 60 kg author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Zootecnia

Print version ISSN 1516-3598On-line version ISSN 1806-9290

Abstract

LONGO, Flavio Alves et al. Carboidratos na dieta pré-inicial de frangos de corte. R. Bras. Zootec. [online]. 2005, vol.34, n.1, pp.123-133. ISSN 1516-3598.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-35982005000100016.

Objetivou-se, com este estudo, determinar a energia metabolizável aparente corrigida (EMAn) de ingredientes como fonte de carboidrato para frangos de corte de 1 a 7 dias de idade, bem como avaliar a utilização destes diferentes ingredientes em dietas pré-iniciais sobre o desenvolvimento inicial de órgãos do trato gastrintestinal (TGI) e desempenho das aves. No Experimento 1, foi utilizado o método de coleta total das excretas com 220 pintos de 4 a 7 dias de idade, alojados em baterias em delineamento inteiramente casualizado com cinco tratamentos (uma dieta-referência e quatro dietas com inclusão de 20% do ingrediente-teste - amido de milho [AMI], amido de mandioca [AMA], glicose [GLI] e sacarose [SAC]) e quatro repetições de 11 aves. No Experimento 2, foram utilizados 520 pintos de corte machos de um dia de idade, distribuídos em delineamento inteiramente casualizado, com cinco tratamentos e quatro repetições de 26 aves. Os tratamentos foram aplicados de 1 a 7 dias e, no período subseqüente, as aves tiveram acesso a uma dieta basal padrão. Os tratamentos consistiram em: 1 - dieta de milho e farelo de soja, 2 - dieta de milho e farelo de soja + AMI, 3 - dieta de milho e farelo de soja + AMA, 4 - dieta de milho e farelo de soja + GLI, 5 - dieta de milho e farelo de soja + SAC. O valor da EMAn determinado para frangos de corte na fase pré-inicial foi de 3.269, 3.690, 3.427 e 3.524 kcal/kg para AMI, AMA, GLI e SAC, respectivamente. Observou-se que o desenvolvimento do TGI, de maneira geral, não foi influenciado pelos diferentes tratamentos, mas o consumo de ração das aves foi aumentado com o fornecimento de carboidrato de maior disponibilidade na dieta pré-inicial, contribuindo para aumento no peso vivo das aves.

Keywords : carboidratos, desempenho; dieta pré-inicial; energia metabolizável; frangos de corte; trato gastrintestinal.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License