SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 issue4Feeding increasing defatted corn germ meal levels to broiler chickensComparison of digestible energy of blood meals and poultry by-product meals for pigs using the digestible protein and fat method and the replacement method author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Zootecnia

Print version ISSN 1516-3598On-line version ISSN 1806-9290

Abstract

GERBER, Luiz Fernando Pigatto; PENZ JUNIOR, Antônio Mário  and  RIBEIRO, Andréa Machado Leal. Efeito da composição do farelo de soja sobre o desempenho e o metabolismo de frangos de corte. R. Bras. Zootec. [online]. 2006, vol.35, n.4, pp.1359-1365. ISSN 1516-3598.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-35982006000500015.

Foi estudado o efeito do teor de PB (44, 46 e 48%) do farelo de soja (FS) utilizado na composição das rações sobre o desempenho, o metabolismo e a micrometria intestinal de frangos de corte. Os três FS foram obtidos de um mesmo FS, com 48,4% PB, adicionado de níveis crescentes de casca de soja desativada. Foram utilizadas 312 aves, distribuídas em três tratamentos, com oito repetições. As rações formuladas para as três fases de crescimento (1 a 7, 8 a 21 e 22 a 42 dias) foram isocalóricas e isoprotéicas. Na fase de 1 a 7 dias, as aves dos três tratamentos não diferiram entre si quanto ao desempenho. No entanto, do 8º ao 21º dia, aquelas alimentadas com ração FS48% apresentaram melhor ganho de peso (GP) e conversão alimentar (CA). A ração com FS48%, na fase de 1 a 21 dias, promoveu maiores peso corporal e GP e melhor CA que aquela com FS44%. Na fase de 22 a 42 dias, as aves submetidas aos tratamentos tiveram desempenhos semelhantes. Para os dados de metabolismo, nos dois períodos de coleta de excretas (3 a 7 e 39 a 42 dias de idade), a dieta com FS48% proporcionou o mais alto coeficiente de metabolizabilidade da EB e da MS, quando comparada à dieta contendo FS44%. A altura das vilosidades, a profundidade das criptas e o número de vilos na alça duodenal não foram afetados pelos tratamentos.

Keywords : metabolizabilidade energética; metabolizabilidade da matéria seca; morfometria duodenal.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License