SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 issue6Morphogenetic and structural traits and herbage production of marandugrass under intensities and frequencies of defoliationMorphometric characterization of Santa Inês sheep raised in the regions of Teresina and Campo Maior, Piauí author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Zootecnia

Print version ISSN 1516-3598On-line version ISSN 1806-9290

Abstract

PALHANO, Ana Luisa et al. Padrões de deslocamento e procura por forragem de novilhas leiteiras em pastagem de capim-mombaça. R. Bras. Zootec. [online]. 2006, vol.35, n.6, pp.2253-2259. ISSN 1516-3598.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-35982006000800008.

Para avaliar as estratégias de alimentação de bovinos em pastejo, quatro novilhas da raça Holandês Preto e Branco foram mantidas em uma pastagem de capim-mombaça (Panicum maximum Jacq.) com cinco alturas de dossel, em um delineamento inteiramente casualizado, com duas repetições, durante os meses de fevereiro a abril de 2002. Os animais experimentais foram avaliados por meio de testes de pastejo de 45 minutos, durante os quais foram determinados o número de bocados, o número de estações alimentares, o número de passos e o tempo de alimentação utilizando-se cronômetros e contadores. Com o aumento da altura do dossel, o número de estações alimentares diminuiu de forma quadrática (Y= 16,3199 - 0,2424 x + 0,000996 x2, R2 = 0,9328, P = 0,0031), como resultado da maior disponibilidade de forragem, que reduziu a procura por melhores sítios de pastejo. O número de passos entre as estações alimentares aumentou (Y= 0,7247 + 0,01603 x, R2 = 0,6172, P = 0,0043), ampliando a exploração do ambiente de pastejo. Quando a massa de forragem aumentou, os animais reduziram as distâncias totais percorridas (Y= 513,998287 - 2,659875 x, R2 = 0,728076, P = 0,0016), a taxa média de deslocamento (Y= 11,567445 - 0,058396 x, R2 = 0,724633, P = 0,0013) e, conseqüentemente, a intensidade de utilização da área (Y= 9,533139 - 0,051351 x, R2 = 0,7708, P = 0,0005), como resultado da elevação da altura do dossel, que garantiu elevado consumo de forragem. Os animais ajustam seus padrões de deslocamento e procura de forragem em resposta à estrutura do dossel forrageiro.

Keywords : comportamento de pastejo; estrutura da pastagem; novilhas holandesas; Panicum maximum.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License