SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 issue6Morphometric characterization of Santa Inês sheep raised in the regions of Teresina and Campo Maior, PiauíA study of the genotype × environment interaction for growth traits in beef cattle using Bayesian inference author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Zootecnia

Print version ISSN 1516-3598On-line version ISSN 1806-9290

Abstract

GUTERRES, Luiz Felipe Waihrich et al. Inclusão da covariância genética direta-materna no modelo para estimar parâmetros e predizer valores genéticos para ganho de peso em bovinos da raça Angus. R. Bras. Zootec. [online]. 2006, vol.35, n.6, pp.2268-2274. ISSN 1516-3598.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-35982006000800010.

Com o objetivo de estimar o efeito da inclusão da covariância genética direta-materna no modelo de análise sobre as estimativas de parâmetros genéticos e predição de valores genéticos (VG) para ganho médio diário do nascimento à desmama (GMDND) e da desmama ao sobreano (GMDDS), foram utilizados registros de 11.202 e de 4.665 animais da raça Angus, respectivamente, para GMDND e GMDDS. As (co)variâncias foram obtidas adotando-se um modelo animal que, para GMDND, incluiu os efeitos aleatórios genéticos aditivos diretos e maternos e residual, os efeitos fixos de grupo de contemporâneos à desmama, além das covariáveis idade da vaca ao parto (IV) e idade do animal à desmama e, para GMDDS, considerou os efeitos aleatórios descritos e os fixos de grupo de contemporâneos ao sobreano, além das covariáveis IV e idade do animal ao sobreano. Para ambos os modelos, foi considerado aleatório o efeito de ambiente permanente da vaca. As herdabilidades diretas estimadas para GMDND foram 0,25 não considerando e 0,55 considerando a covariância genética direta-materna; comportamento similar foi observado para a herdabilidade materna (0,07 e 0,22). Para GMDDS, as herdabilidades diretas estimadas foram similares: 0,21 não considerando a covariância e 0,22 quando a covariância foi considerada. O teste da razão de verossimilhança mostrou não haver diferença significativa, a 5% de probabilidade, entre os modelos adotados para ambas as características. As correlações entre os efeitos genéticos aditivos diretos e maternos foram negativas, tanto para GMDND quanto para GMDDS. As correlações de Spearman entre os ordenamentos dos reprodutores, de acordo com seus valores genéticos (rank correlation), obtidos incluindo e não incluindo a covariância entre os efeitos diretos e maternos no modelo de análise (0,88 para GMDND e 0,99 para GMDDS) sugerem que a inclusão da covariância genética direta-materna no modelo é relevante somente para GMDND.

Keywords : correlação de Spearman; efeito materno; ganho médio diário; herdabilidade.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License