SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.35 issue6Dietary digestible lysine requirement of barrows with high genetic potential for lean gain in the carcass from 15 to 30 kgPerformance, nutrient balance and retention and biometrical measures of digestive organs of broilers fed different dietary protein levels in the pre-starter period author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Zootecnia

Print version ISSN 1516-3598On-line version ISSN 1806-9290

Abstract

PEDROSO, Adriana Ayres et al. Desenvolvimento embrionário e eclodibilidade de ovos de codornas armazenados por diferentes períodos e incubados em umidades e temperaturas distintas. R. Bras. Zootec. [online]. 2006, vol.35, n.6, pp.2344-2349. ISSN 1516-3598.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-35982006000800021.

Objetivou-se avaliar parâmetros relativos à incubação de ovos férteis de codornas japonesas. Os ovos foram armazenados por três períodos (0, 72 e 144 horas) e incubados em duas umidades relativas (55 e 65%) e duas temperaturas (36,5 e 37,5°C). Utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado, em esquema fatorial 3 x 2 x 2 (período de armazenamento x umidade x temperatura). As avaliações foram feitas às 276, 324, 362 e 420 horas de incubação e no momento da eclosão. Não houve interação significativa entre as variáveis estudadas. Inicialmente, a velocidade de desenvolvimento embrionário foi influenciada pelo período de armazenamento e pela temperatura da incubadora, mas, à medida que o processo incubatório avançou, o desenvolvimento embrionário se tornou similar entre os grupos experimentais. A mortalidade embrionária foi maior, especialmente na fase precoce, nos ovos armazenados por 144 horas e naqueles incubados a 65% de umidade relativa, após a bicagem da casca pela ave. O tempo necessário para a eclosão dos ovos foi menor quando incubados a 37,7°C com 65% de umidade relativa e armazenados por períodos superiores a 72 horas. A eclodibilidade foi maior em ovos armazenados por até 72 horas. Ovos de codornas devem ser armazenados por períodos de até 72 horas e a incubação deve ser feita a 37,5°C e a 55 ou 65% de umidade relativa.

Keywords : embrião; Coturnix coturnix japonica; incubação.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License