SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.38 issue5Heart rate of Mangalarga Marchador mares under marcha test and supplemented with chromeEnergy requirements of beef cattle at pasture author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Zootecnia

On-line version ISSN 1806-9290

Abstract

SANTOS-CRUZ, Cristiane Leal dos et al. Desenvolvimento dos componentes do peso vivo de cordeiros Santa Inês e Bergamácia abatidos em diferentes pesos. R. Bras. Zootec. [online]. 2009, vol.38, n.5, pp. 923-932. ISSN 1806-9290.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-35982009000500020.

Objetivou-se com este estudo verificar o crescimento diferencial dos órgãos e das vísceras em relação ao peso do corpo vazio de cordeiros Santa Inês e Bergamácia. Foram utilizados 36 cordeiros machos não-castrados (24 Santa Inês e 12 Bergamácia) aos 15, 25, 35 e 45 kg de peso vivo, confinados recebendo uma dieta com relação 20:80 de volumoso:concentrado. O estudo do crescimento relativo dos órgãos internos, das gorduras, das partes não-integrantes da carcaça, das partes da carcaça, dos componentes das cavidades abdominal e torácica foi realizado pelo modelo não-linear da equação potência Y = αXβ, transformado logaritmicamente em um modelo linear, lnY = lnα + βlnX. O fígado, pâncreas, abomaso, intestino delgado, intestino grosso e a cavidade torácica são partes do corpo vazio dos animais que apresentaram desenvolvimento precoce, enquanto o baço, a cavidade abdominal, as partes integrantes e não-integrantes da carcaça foram considerados de crescimento isogônico (β=1); os depósitos de gordura apresentaram crescimento heterogônico positivo (β>1). O omaso e rúmen/retículo dos cordeiros Santa Inês se desenvolvem precocemente, enquanto nos cordeiros Bergamácia se desenvolve tardiamente. O fígado, pâncreas, abomaso, intestino delgado, intestino grosso e a cavidade torácica, nas duas raças, possuem desenvolvimento precoce e o baço, a cavidade abdominal, as partes integrantes e não integrantes da carcaça possuem crescimento isogônico em relação ao peso do corpo vazio.

Keywords : alometria; crescimento; ovinos.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese