SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.28 issue4Fertility and fecundity of an outpatient sample with schizophreniaCognitive changes update among elderly with depressive syndrome author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Psiquiatria

Print version ISSN 1516-4446

Abstract

SPOLADOR, Tiago; ALLIS, Johanna Clair Sá  and  PONDE, Milena Pereira. Tratamento da síndrome das pernas inquietas. Rev. Bras. Psiquiatr. [online]. 2006, vol.28, n.4, pp. 308-315.  Epub Aug 04, 2006. ISSN 1516-4446.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-44462006005000001.

OBJETIVO: A síndrome das pernas inquietas é um transtorno neurológico caracterizado por um desejo incontrolável de mover os membros, que comumente está somente presente ou piora ao descanso ou à noite. O objetivo do trabalho foi a revisão da literatura disponível sobre o tratamento farmacológico para a síndrome das pernas inquietas. MÉTODO: Pesquisa da literatura recente realizada em bases de dados eletrônicas (Medline, Pubmed, Scielo e Lilacs). RESULTADOS: Quinhentos e dois artigos foram encontrados, dos quais 30 foram selecionados. Os agentes dopaminérgicos, os anticonvulsantes, os opióides, os benzodiazepínicos, o zolpidem, o entacapone e a ketamina foram eficazes no tratamento da síndrome das pernas inquietas. Um estudo mostrou que o ferro não foi eficaz. CONCLUSÕES: Baseado nos poucos estudos duplo-cegos, randomizados e controlados, parece que as melhores opções para tratar os pacientes com síndrome das pernas inquietas são a gabapentina e L-dopa associada à sua formulação de liberação lenta.

Keywords : Síndrome das pernas inquietas; Parassonias; Transtornos do sono; Tratamento; Literatura de revisão.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English