SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.29 número3Saúde mental e qualidade de vida em adolescentes: um estudo entre escolares em duas áreas urbanas contrastantesAspetos clínicos da esquizofrenia super-refratária: estudo observacional de coorte com seguimento de seis meses índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Revista Brasileira de Psiquiatria

versão impressa ISSN 1516-4446versão On-line ISSN 1809-452X

Resumo

VIEIRA, Denise Leite; RIBEIRO, Marcelo  e  LARANJEIRA, Ronaldo. Evidência de associação entre uso precoce de álcool e risco de problemas futuros. Rev. Bras. Psiquiatr. [online]. 2007, vol.29, n.3, pp.222-227. ISSN 1516-4446.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-44462007000300006.

OBJETIVOS: Investigar a relação entre idade de início de uso de álcool, padrão de consumo e problemas relacionados. MÉTODO: Em 2004, um questionário de autopreenchimento foi respondido por 1.990 alunos de 5ª série do ensino fundamental a 3ª série do ensino médio do município de Paulínia-SP. A coleta de dados foi realizada em sala de aula, sem a presença do professor. A participação no estudo era voluntária e anônima. RESULTADOS: A prevalência de uso de álcool na vida foi de 62,2%. A média de idade de primeiro uso de álcool foi de 12,35 (sd = 2,72), variando entre 5 e 19 anos. Em 78% dos casos, o primeiro uso de álcool ocorreu antes dos 15 anos, sendo que mais de 22% dos adolescentes relataram que experimentaram bebida alcoólica antes dos 10 anos. Houve diferenças significantes para padrão de consumo atual: aqueles que começaram mais cedo consumiram mais doses por ocasião (p = 0,013) e tiveram mais episódios de embriaguez nos últimos 30 dias (p = 0,05). Houve associação entre a idade de experimentação do álcool e o uso de tabaco (p = 0,017) e outras drogas (p = 0,047). CONCLUSÕES: Jovens experimentam álcool em idade precoce e isto tem impacto no padrão de consumo atual. Esse artigo enfatiza a necessidade de ações imediatas em relação às políticas públicas do álcool no Brasil para prevenir ou adiar o início do consumo de álcool e problemas relacionados.

Palavras-chave : Adolescentes; Idade de início; Bebidas alcoólicas; Consumo de bebidas alcoólicas [efeitos adversos]; Política social.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf epdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons