SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.32 issue3Lower frequency of the low activity adenosine deaminase allelic variant (ADA1*2) in schizophrenic patientsValidation of the Perception of Change Scale - Family Version (EMP-F) as a treatment outcome measure in mental health services author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Psiquiatria

Print version ISSN 1516-4446

Abstract

MIOTTO, Eliane C. et al. Desenvolvimento de uma versão adaptada do Boston Naming Test para a língua portuguesa. Rev. Bras. Psiquiatr. [online]. 2010, vol.32, n.3, pp. 279-282.  Epub Apr 30, 2010. ISSN 1516-4446.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-44462010005000006.

OBJETIVO: Apresentar o desenvolvimento de uma versão adaptada do Boston Naming Test para a língua portuguesa e investigar os efeitos da idade, escolaridade e gênero nas versões original e adaptada do Boston Naming Test. MÉTODO: 80 itens foram administrados incluindo os 60 originais e 20 itens adaptados em 739 brasileiros saudáveis com idades entre 6 e 77 anos e escolaridade entre 0 e 17 anos. RESULTADOS: Os coeficientes de estimação do Modelo Linear Geral sugeriram que a idade e escolaridade eram preditores significativos do resultado total. Além disto, as variâncias dos resultados explicadas por estes preditores no Boston Naming Test original era de 41,20%, enquanto que no adaptado era de 25,84%. Estes achados sugerem que os resultados do Boston Naming Test original são mais dependentes de idade e escolaridade do que os do adaptado. CONCLUSÃO: Estes achados demonstram a adequação do Boston Naming Test adaptado para a população brasileira e descrevem normas provisionais da versão original e adaptada do Boston Naming Test para a língua portuguesa.

Keywords : Boston Naming Test; Língua Portuguesa; Neuropsicologia; Efeito idade; Escolaridade.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English