SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 issue2Creatine kinase levels in patients with bipolar disorder: depressive, manic, and euthymic phasesThe multidimensional evaluation and treatment of anxiety in children and adolescents: rationale, design, methods and preliminary findings author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Psiquiatria

Print version ISSN 1516-4446

Abstract

ROCHA, Felipe Filardi da et al. Associação entre polimorfismos do gene da triptofano hidroxilase 2 e o transtorno obsessivo-compulsivo. Rev. Bras. Psiquiatr. [online]. 2011, vol.33, n.2, pp. 176-180.  Epub Mar 11, 2011. ISSN 1516-4446.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-44462011005000003.

OBJETIVO: Diversos estudos demonstram que o transtorno obsessivo-compulsivo apresenta considerável contribuição genética, com diversos genes candidatos tendo sido estudados por meio de estudos de associação. Como alterações do sistema serotonérgico estão associadas ao transtorno obsessivo-compulsivo, o gene da triptofano hidroxilase 2, enzima limitante da síntese da serotonina, é plausível candidato para estudos. MÉTODO: Nossa amostra é composta de 321 sujeitos (107 pacientes com transtorno obsessivo-compulsivo e 214 controles) e investigamos oito tagSNPs (rs4448731, rs4565946, rs11179000, rs7955501, rs10506645, rs4760820, rs1487275 e rs10879357) do gene da triptofano hidroxilase 2. Análise estatística foi realizada com os programas UNPHASED e Haploview. RESULTADOS: Análise de frequência alélica e genotípica entre casos e controles não evidenciaram diferenças estatisticamente significativas. No entanto, observamos maior prevalência dos haplótiposT-C-T (rs4448731, rs4565946, rs10506645) e C-A-T (rs4565946, rs7955501, rs10506645) entre os pacientes, assim como duas regiões com importantes desequilíbrios de ligação (SNPs rs4448731 e rs4565946; SNPs rs10506645 e 4760820). DISCUSSÃO: Nossos achados não demonstraram uma associação entre os SNPs do gene da TPH2 e o transtorno obsessivo-compulsivo, porém mais estudos são necessários, já que fortes desequilíbrios de ligação foram demonstrados, assim como dois haplótipos.

Keywords : Psiquiatria; Transtorno obsessivo-compulsivo; Polimorfismo genético; Triptofano hidroxilase; Haplótipos.

        · abstract in English     · text in English     · pdf in English