SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 número3Qualidade de vida, diagnóstico e tratamento de pacientes com depressão maior: uma coorte prospectiva em cuidados primáriosPrejuízos no reconhecimento de emoções faciais em parentes de primeiro grau de portadores de autismo não são associados com o polimorfismo 5HTTLPR índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Psychiatry

versão impressa ISSN 1516-4446

Resumo

MAIA, Berta R. et al. Dependência do estado afetivo e estabilidade relativa do traço do perfeccionismo nas perturbações de sono. Rev. Bras. Psiquiatr. [online]. 2011, vol.33, n.3, pp.252-260.  Epub 15-Abr-2011. ISSN 1516-4446.  https://doi.org/10.1590/S1516-44462011005000014.

OBJETIVOS: Avaliar o grau de mudança absoluta, de estabilidade relativa e dependência do estado do perfeccionismo nas perturbações de sono numa amostra de estudantes universitários. MÉTODO: Os sujeitos completaram a Escala Multidimensional do Perfeccionismo e dois itens sobre dificuldades em dormir. Os dados foram recolhidos em três momentos de avaliação, separados por um intervalo de um ano acadêmico. A idade média dos sujeitos noT0 era de 19,59 anos (DP = 1,61, variação = 17-25); 62,5% eram mulheres. RESULTADOS: Foram encontradas ao longo do follow-up mudanças absolutas para o Perfeccionismo Autoorientado e para o Perfeccionismo Socialmente Prescrito. Foi encontrada estabilidade relativa para todas as dimensões do perfeccionismo. As dificuldades de sono prévias e concorrentes explicaram significativamente a variância do perfeccionismo. Controlando o efeito das dificuldades em dormir, o Perfeccionismo Autoorientado e o POO prévios foram os únicos preditores significativos de Perfeccionismo Autoorientado e POO subsequente (T1 e T2). As dificuldades em iniciar o sono no T1 e o Perfeccionismo Socialmente Prescrito prévio (T0) revelaram-se preditores significativos dePerfeccionismoSocialmente PrescritonoT1. CONCLUSÃO: Apesar das mudanças significativas nas pontuações médias de perfeccionismo ao longo do follow-up, as análises de correlação demonstraram que os participantes permaneceramrelativamenteestáveisnosseusníveisdeperfeccionismo.Umavezque asdificuldades em iniciar o sono concorrentes serevelaram um preditor significativo de Perfeccionismo Socialmente Prescrito, o Perfeccionismo Socialmente Prescrito é a dimensão do perfeccionismo que possui características traço-estado.

Palavras-chave : Avaliação; Sintomas afetivos; Estudante; Análise de variância; Transtornos do sono.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons