SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 suppl.1Differential diagnosis between non-pathological psychotic and spiritual experiences and mental disorders: a contribution from Latin American studies to the ICD-11Somatization in Latin America: a review of the classification of somatoform disorders, functional syndromes and medically unexplained symptoms author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista Brasileira de Psiquiatria

Print version ISSN 1516-4446

Abstract

JURUENA, Mario F.; CALIL, Helena M.; FLECK, Marcelo P.  and  DEL PORTO, Jose A.. Estudos latino-americanos sobre melancolia: um transtorno do humor melhor definido para o CID-11. Rev. Bras. Psiquiatr. [online]. 2011, vol.33, suppl.1, pp. s37-s47. ISSN 1516-4446.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-44462011000500005.

OBJETIVO: A depressão melancólica é um diagnóstico psiquiátrico de história de vida, geralmente com episódios recorrentes. Melancolia é uma síndrome com longa duração e características específicas de psicopatologia, insuficientemente diferenciada de depressão maior por um especificador no DSM-IV e parcialmente descrito nos critérios da Classificação Internacional de Doenças-10ª Edição. Dentro da classificação atual, é frequentemente vista em pacientes gravemente doentes com depressão e transtorno bipolar. No entanto, a melancolia possui uma homogeneidade psicopatológica e biológica distinta na experiência clínica e nos marcadores de testes laboratoriais, e é diferencialmente sensível às intervenções terapêuticas específicas. O objetivo deste estudo é revisar a literatura de artigos publicados por autores latino-americanos sobre a melancolia. MÉTODO: Realizou-se busca de artigos latino-americanos de informações relevantes para a revisão da Classificação Internacional de Doenças-10ª Edição de transtornos mentais e comportamentais em pacientes com depressão melancólica. Foi avaliada a qualidade do design de todos os estudos e realizada uma revisão abrangente sobre o assunto, com o objetivo de considerar a contribuição latino-americana para inclusão da melancolia como uma entidade distinta na futura Classificação Internacional de Doenças-11ª Edição. RESULTADOS E CONCLUSÃO: Os estudos latino-americanos fundamentam o diagnóstico da melancolia com uma psicopatologia e psiconeuroendocrinologia própria que fundamentam ser reconhecida como um transtorno de humor identificável e merecedor de uma atenção específica nos sistemas de classificação, como um transtorno de humor distinto, identificável e especificamente tratável.

Keywords : América Latina; Transtorno depressivo; Diagnóstico; Classificação Internacional de Doenças; Estudos de avaliação.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · pdf in English | Portuguese