SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.33 suppl.1Melancholia in Latin American studies: a distinct mood disorder for the ICD-11A review of Latin American studies on binge eating disorder author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista Brasileira de Psiquiatria

Print version ISSN 1516-4446

Abstract

TOFOLI, Luís Fernando; ANDRADE, Laura Helena  and  FORTES, Sandra. Somatização na América Latina: uma revisão sobre a classificação de transtornos somatoformes, síndromes funcionais e sintomas sem explicação médica. Rev. Bras. Psiquiatr. [online]. 2011, vol.33, suppl.1, pp.s59-s69. ISSN 1516-4446.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-44462011000500006.

OBJETIVO: Os sintomas sem explicação médica são frequentes e estão associados a sofrimento mental em vários contextos. Estudos prévios apontam que as populações latino-americanas são propensas à somatização. Diante da reformulação da Classificação Internacional de Doenças para sua 11ª edição, as particularidades dos nativos desta região do mundo devem ser levadas em consideração. O objetivo deste estudo é prover informações sobre somatização na população latino-americana para a tomada de decisões quanto às categorias diagnósticas ligadas a sintomas sem explicação médica na Classificação Internacional de Doenças-11ª edição. MÉTODO: Revisão extensa da produção de 1995 a 2011 sobre somatização em populações de origem latino-americana. RESULTADOS: A análise dos 106 estudos incluídos nesta revisão foi dividida em 15 categorias: revisões sistemáticas, revisões conceituais, prevalências, atenção primária, depressão e ansiedade, fatores de risco, violência, quadros orgânicos, relacionamento com profissionais e o sistema de saúde, etnia, síndromes ligadas à cultura, síndrome da fadiga crônica, fibromialgia, transtorno dismórfico corporal, e conversão e dissociação. CONCLUSÃO: Os estudos latino-americanos confirmam a dificuldade na definição categorial de quadros com sintomas sem explicação médica. O suposto "traço somatizador" das culturas latinas pode estar associado mais à expressão cultural e linguística do que a um caráter de natureza étnica, e tais particularidades devem estar na agenda na nova classificação destes fenômenos na Classificação Internacional de Doenças-11ª edição.

Keywords : Transtornos somatoformes; América Latina; Classificação Internacional de Doenças; Psicopatologia; Sintomas.

        · abstract in English     · text in English | Portuguese     · English ( pdf epdf ) | Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License