SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.34 número3Transtornos psiquiátricos entre indivíduos que dirigem sob uso recente de álcool e drogasEfeitos da pregabalina sobre alterações comportamentais induzidas pela cetamina em ratos índice de autoresíndice de assuntospesquisa de artigos
Home Pagelista alfabética de periódicos  

Serviços Personalizados

Journal

Artigo

Indicadores

Links relacionados

Compartilhar


Brazilian Journal of Psychiatry

versão impressa ISSN 1516-4446

Resumo

KETZER, Carla Ruffoni et al. Existe alguma associação entre complicações perinatais e transtorno de déficit de atenção/hiperatividade - subtipo desatento em crianças e adolescentes?. Rev. Bras. Psiquiatr. [online]. 2012, vol.34, n.3, pp.321-328. ISSN 1516-4446.  http://dx.doi.org/10.1016/j.rbp.2012.01.001.

OBJETIVO: O objetivo desse estudo é investigar a associação entre complicações perinatais (complicações ocorridas nos períodos pré, peri e pós-natal imediato -CPPs) e transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH) do subtipo desatento (TDAH-D). MÉTODO: Em um estudo de casos e controles, foram avaliadas 124 crianças e adolescentes (6-17 anos) com TDAH-D e 124 controles sem a doença, provenientes tanto de uma amostra populacional (n = 200), quanto de uma amostra clínica (n = 48). Casos e controles, pareados por gênero e idade, foram sistematicamente avaliados através de entrevistas diagnósticas estruturadas. Informações sobre as complicações ocorridas durante os períodos pré, peri e pós-natal imediato (CPPs), assim como sobre potencias confundidores, foram obtidas através de entrevistas realizadas diretamente com as mães biológicas. RESULTADOS:A análise de regressão logística condicional mostrou que para as crianças e adolescentes cujas mães apresentaram maior número de CPPs, o risco de TDAH-D foi significativamente mais elevado (p = 0.005; OR = 1.25; IC 95%: 1.1-1.5). CONCLUSÕES: Em um estudo de caso-controle, foi possível expandir, para o TDAH predominantemente desatento, os achados prévios que sugeriam a associação entre complicações perinatais e TDAH sem um subtipo específico. Em virtude da possibilidade de prevenção de algumas dessas complicações, nossos resultados podem exercer impacto sobre políticas públicas de saúde.

Palavras-chave : Transtorno de déficit de atenção [hiperatividade predominantemente desatento]; Complicações no período pré-natal, perinatal e pós-natal imediato; Fatores ambientais.

        · resumo em Inglês     · texto em Inglês     · Inglês ( pdf )

 

Creative Commons License Todo o conteúdo deste periódico, exceto onde está identificado, está licenciado sob uma Licença Creative Commons