SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.17 número4K-9 science education: the limits of citizenship and inclusion concepts in the Brazilian National Curriculum Parameters índice de autoresíndice de materiabúsqueda de artículos
Home Pagelista alfabética de revistas  

Servicios Personalizados

Revista

Articulo

Indicadores

Links relacionados

Compartir


Ciência & Educação (Bauru)

versión impresa ISSN 1516-7313

Resumen

MARTINS, Idalina; ABELHA, Marta; COSTA, Nilza  y  ROLDAO, Maria do Céu. Impacto do currículo português das ciências físicas e naturais nas práticas docentes. Ciênc. educ. (Bauru) [online]. 2011, vol.17, n.4, pp.771-788. ISSN 1516-7313.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-73132011000400001.

Este artigo pretende disseminar resultados de uma investigação cuja principal finalidade era compreender o impacto do processo de Reorganização Curricular do Ensino Básico português nas práticas curriculares e dinâmicas de trabalho de professores de Ciências Físicas e Naturais. O primeiro momento do estudo empírico assumiu uma natureza quantitativa, referindo-se os resultados a 1122 questionários preenchidos por professores que lecionavam as disciplinas da área das Ciências Físicas e Naturais. O segundo momento, de índole qualitativa, pretendeu aprofundar os dados quantitativos, através da realização de entrevistas a seis dos professores participantes no primeiro momento. Os resultados obtidos sugerem uma apropriação epidérmica dos conceitos centrais ao atual discurso educativo e indiciam que a implementação do processo de Reorganização Curricular não se traduziu em mudanças efetivas de práticas e dinâmicas de trabalho docente. Face a esta realidade, consideramos imprescindível uma ação concertada entre professores, instituições de formação inicial e contínua e a administração central.

Palabras clave : Currículo; ciências físicas e naturais; competência docente; ensino básico; Portugal.

        · resumen en Inglés     · texto en Portugués     · Portugués ( pdf )

 

Creative Commons License Todo el contenido de esta revista, excepto dónde está identificado, está bajo una Licencia Creative Commons