SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.14 issue1Study of the acoustic measures' constancy of sustained vowels consecutive phonations in women without vocal complaint and women with dysphoniaEvolution of pre-linguistic manifestations in normal infants during the first year of life author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia

On-line version ISSN 1982-0232

Abstract

FINGER, Leila Susana  and  CIELO, Carla Aparecida. Modificações vocais acústicas produzidas pela fonação reversa. Rev. soc. bras. fonoaudiol. [online]. 2009, vol.14, n.1, pp.15-21. ISSN 1982-0232.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-80342009000100005.

OBJETIVO: Descrever as modificações vocais acústicas e as sensações ocorridas após a técnica vocal de fonação reversa em mulheres adultas jovens, sem queixas vocais e com laringe normal. MÉTODOS: Trinta e duas mulheres adultas jovens submeteram-se à avaliação otorrinolaringológica e triagem fonoaudiológica para descartar possíveis alterações que pudessem interferir nos resultados da pesquisa; tiveram amostras vocais coletadas antes e após realizarem três séries de 15 repetições de fonação reversa, em tempo máximo de fonação com tom e intensidade habituais, e 30 segundos de repouso passivo entre cada série. Após, responderam a um questionário referente às sensações percebidas. A análise vocal acústica foi realizada através do software Praat (versão 4.6.10) e os dados analisados por meio da estatística descritiva e pelo teste de Wilcoxon, com nível de significância de 5%. RESULTADOS: Aumento estatisticamente significativo da frequência fundamental e da frequência máxima; diminuição da frequência mínima; aumento das medidas de Jitter, exceto da medida de Jitter local-absoluto que diminuiu; diminuição das medidas de Shimmer, relação ruído/harmônico (NHR) e relação harmônico/ruído (HNR); e predomínio das sensações positivas. CONCLUSÃO: A fonação reversa pareceu promover efeito positivo sobre a vibração da mucosa das pregas vocais e sobre o seu alongamento. Sugere efeito sobre a musculatura, favorecendo mudanças de frequência fundamental; e sobre sua homogeneização e modificação da camada de muco. Além disso, promoveu melhora global do sinal vocal e das sensações durante sua produção.

Keywords : Fonação; Voz; Treinamento da voz; Qualidade da voz; Distúrbios da voz.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License