SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.14 issue3Occurrence of signs and symptoms of temporomandibular dysfunction in musiciansKnowledge of nursing professionals that assist patients with swallowing disorders at a University Hospital in Belo Horizonte author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia

On-line version ISSN 1982-0232

Abstract

BASSI, Iara Barreto; FRANCO, Letícia Paiva  and  MOTTA, Andréa Rodrigues. Eficácia do emprego do espelho de Glatzel na avaliação da permeabilidade nasal. Rev. soc. bras. fonoaudiol. [online]. 2009, vol.14, n.3, pp. 367-371. ISSN 1982-0232.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-80342009000300013.

OBJETIVO: Comparar a medida do escape aéreo nasal, realizada por meio espelho de Glatzel, entre crianças com e sem obstrução de via aérea superior, de acordo com o sexo e a faixa etária. MÉTODOS: Amostra composta por 43 crianças, com média de 6,9 anos, separadas em quatro grupos: com indicação cirúrgica para desobstrução de via aérea superior (grupo cirúrgico), alérgicos com manifestação de obstrução (grupo alérgico), alérgicos com obstrução e indicação de cirurgia (grupo alérgico e cirúrgico) e crianças sem obstrução (grupo controle). A medida do escape foi realizada por meio do Espelho Nasal Milimetrado de Altmann e os dados mensurados em cm2 pelo software AutoCAD 2002. Os dados foram analisados por meio de estatística descritiva e por testes de hipótese com nível de significância de 5%. RESULTADOS: O grupo controle foi o que apresentou a maior média (6,53 cm2) na medida do escape aéreo nasal, enquanto o grupo alérgico e cirúrgico apresentou a menor (3,07 cm2). As médias dos grupos alérgico e cirúrgico foram de 4,74 cm2 e 5,91 cm2, respectivamente. Apenas o grupo alérgico e cirúrgico apresentou diferença significante em relação ao grupo controles. Verificou-se ainda que a medida de escape não foi estatisticamente afetada pelas variáveis sexo e idade. CONCLUSÃO: O espelho de Glatzel demonstrou não ser um instrumento confiável para a avaliação da permeabilidade nasal na amostra investigada, exceto nos casos de grande obstrução nasal, ou seja, pacientes cirúrgicos e também alérgicos. Não foram observadas correlações com as variáveis: sexo e faixa etária.

Keywords : Obstrução nasal; Respiração bucal; Estudos de avaliação; Permeabilidade; Criança.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · pdf in Portuguese