SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 issue3Effect of intravelar veloplasty on velopharyngeal closure assessed by pressure-flow techniqueEffects of ototoxic drugs in the hearing of high risk newborns author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia

On-line version ISSN 1982-0232

Abstract

LIMA, Gabriela Nascimento; CORDEIRO, Cibele de Melo; JUSTO, Janize da Silva  and  RODRIGUES, Lidiane Cristina Barraviera. Mordida aberta anterior e hábitos orais em crianças. Rev. soc. bras. fonoaudiol. [online]. 2010, vol.15, n.3, pp.369-375. ISSN 1982-0232.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-80342010000300010.

OBJETIVO: Verificar o número de pré-escolares com mordida aberta anterior e a associação com os hábitos orais. MÉTODOS: O universo do estudo foi formado por 275 pré-escolares, de ambos os gêneros, com idade entre quatro e seis anos, com dentição decídua completa. Este estudo foi desenvolvido em duas etapas: uma triagem para selecionar as crianças que apresentavam mordida aberta anterior e aplicação de questionário sobre aleitamento materno e hábitos orais com pais/responsáveis das 59 crianças, cuja mordida aberta anterior foi detectada. Os dados foram analisados estatisticamente pelo teste de Igualdade de Duas Proporções e o teste Qui-quadrado. RESULTADOS: A porcentagem de crianças com mordida aberta anterior foi de 21,45% (N=59), sem variação significativa quanto ao gênero. Verificou-se que 93,20% (N=55) das crianças foram amamentadas, sendo que 54,5% (N=30) destas o fizeram por um período igual ou maior que seis meses. Constatou-se que a maioria das crianças com mordida aberta anterior apresentou hábitos de sucção como mamadeira, chupeta e dedo, 98,30% (N=58). Foi encontrada maior ocorrência para as crianças que permaneciam com a boca aberta durante a noite e que também faziam uso de mamadeira (90,9%). Dentre os hábitos orais, a associação mais prevalente foi de mamadeira e chupeta, com 49,2%. CONCLUSÃO: Os resultados indicaram presença de mordida aberta anterior, associação do uso de mamadeira e chupeta, relação da mordida aberta anterior e hábitos orais como mamadeira e chupeta, e relação entre crianças que permaneciam com a boca aberta durante a noite e uso de mamadeira.

Keywords : Pré-escolar; Mordida aberta; Mamadeiras; Sucção de dedo; Respiração bucal; Aleitamento materno.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License