SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.15 issue3Pragmatic abilities in hearing impaired children: a case-control studyCoda acquisition: a comparative study between transversal and longitudinal data author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

Related links

Share


Revista da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia

On-line version ISSN 1982-0232

Abstract

ATTONI, Tiago Mendonça et al. Onset complexo pré e pós-tratamento de desvio fonológico em três modelos de terapia fonológica. Rev. soc. bras. fonoaudiol. [online]. 2010, vol.15, n.3, pp.395-400. ISSN 1982-0232.  http://dx.doi.org/10.1590/S1516-80342010000300014.

OBJETIVO: Analisar a ocorrência de onset complexo pré e pós-tratamento em crianças tratadas com três diferentes modelos de terapia fonológica. MÉTODOS: Participaram 21 sujeitos com desvio fonológico, 16 meninos e cinco meninas, com idades entre quatro e sete anos e 11 meses, divididos em grupos de sete sujeitos de acordo com o modelo utilizado para o tratamento: Ciclos Modificado, Oposições Máximas e ABAB-Retirada e Provas Múltiplas. Verificou-se os dados do sistema fonológico inicial e final, referentes à produção total de onsets complexos e dos onsets complexos com /l/ e com /r/. Estes foram classificados em: não adquiridos, de 0 a 39%; parcialmente adquiridos, de 40 a 69% e adquiridos de 70 a 100%. Os dados foram submetidos à análise estatística. RESULTADOS: Quanto ao total de onsets complexos, nos Modelos de Ciclos e Oposições Máximas, houve diferença nas médias dos onsets complexos não adquiridos e dos onsets complexos adquiridos antes e após a terapia e, no Modelo ABAB apenas nos onsets complexos adquiridos (p<0,05). No onset complexo com /r/ verificou-se o mesmo resultado. No onset complexo com /l/, somente no Modelo de Ciclos houve diferença entre as médias dos onsets complexos não adquiridos e dos onsets complexos adquiridos. Em todos os modelos foi diferente a classificação de onsets complexos não adquiridos para onsets complexos adquiridos, pré e pós-tratamento. CONCLUSÃO: Os três modelos de terapia fonológica se mostraram eficientes para o tratamento da estrutura silábica onset complexo.

Keywords : Desenvolvimento da linguagem; Transtornos da articulação; Fala; Fonoterapia; Linguagem infantil.

        · abstract in English     · text in Portuguese     · Portuguese ( pdf epdf )

 

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License